O Príncipe de Maquiavel na política atual

Tiago Fernando Hansel

Resumo


Mesmo a obra “O Príncipe” de Nicolau Maquiavel, contendo mais de quinhentos anos, ela continua presente na atualidade. Podendo ser considerado o fundador do pensamento e da ciência política moderna pelo fato de ter escrito sobre o Estado e o governo como realmente são e não como deveriam ser. Já na época em que foi escrita e até hoje, muitas pessoas consideram esta obra como polêmica, pela interpretação que pode ser dada como negativa, cruel ou ríspida. Maquiavel apresentou cruamente o problema das relações entre politica e moral, quando ele afirma que o politico sempre necessita estar à frente da moral, apresentando assim uma profunda cisão e irremediável separação entre ambas. Nesta obra, a política não é vista mais através de um fundamento exterior a ela própria, como Deus, natureza, a razão e entre outras, mas sim como uma atividade humana. Sendo que os princípios políticos de Maquiavel permanecerão em debate até o momento em que a humanidade deixar a vontade pelo poder de lado, fato este que dificilmente se concretize.


Palavras-chave


Príncipe. Maquiavel. Politica.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.48075/ra.v3i1.11532

Direitos autorais



Revista Alamedas - Periódico Discente do PPGFil da UNIOESTE


e-ISSN 1981-0253

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Toledo

Rua da Faculdade, 645 - Jardim La Salle

CEP: 85903-000 – Toledo-Paraná-Brasil

Fone: (45) 3379-7071

| revistaalamedas@gmail.com |