Políticas Editoriais

Foco e Escopo

O periódico Caderno de Educação Física e Esporte tem os seguintes objetivos:

1 - publicar pesquisas científicas que incentivem o debate sobre fenômenos concernentes à Educação Física, Esporte, Lazer e Atividade Física; e

2 - publicar estudos, pesquisas e documentos científicos que fundamentem e contribuam para a intervenção pedagógica/profissional na área de Educação Física, Esporte, Lazer e Atividade Física.

 

Políticas de Seção

Dossiê Esportes de Raquete

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Artigo Original

Artigo Original se constitui como uma investigação inédita baseada em dados (coleta de dados seja com seres humanos, animais ou com outras fontes), com rigor na seleção dos dados e utilizando princípios teórico-metodológicos científicos. O Artigo Original contém as fases fundamentais da pesquisa científica: o problema e os objetivos, o delineamento dos métodos e a análise dos dados, os resultados e discussão e a conclusão. É, então, um texto dissertativo que busca apresentar à comunidade científica resultados de um estudo inédito sobre determinada área de conhecimento.

Editores
  • [CEFE] Editor Comissão Editorial
Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Artigo de Revisão

O Artigo de Revisão é constituído de uma análise crítica e reflexiva sobre um material já elaborado (publicado), formado principalmente de artigos originais. Um Artigo de Revisão deve ser metodologicamente delineado pelas orientações do PRISMA (Preferred Reporting Items for Systematic Reviews and Meta-Analyses), mesmo não sendo uma revisão sistemática para estudos clínicos.

Editores
  • [CEFE] Editor Comissão Editorial
Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Relato de Experiência

O Relato de Experiência é um artigo que descreve precisamente uma dada experiência que possa contribuir de forma relevante para sua área de atuação (por exemplo, um projeto de extensão universitária, uma experiência pedagógica ou profissional, etc.). Nele são claramente descritos as motivações e os delineamentos metodológicos utilizado no projeto para as ações tomadas na situação e as considerações/impressões que a vivência trouxe àquele (a) que a viveu. O Relato de Experiência é feito de modo contextualizado, com objetividade e consubstanciado teoricamente. Em outras palavras, não é uma narração emotiva e subjetiva, nem uma mera divagação pessoal e aleatória.

(Para maiores detalhes click aqui).

Editores
  • [CEFE] Editor Comissão Editorial
Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Ensaio

O Ensaio é um artigo de caráter crítico sobre determinado tema ou questão científica, por vezes ainda pouco debatida, e com diferentes perspectivas de análise. O Ensaio é redigido de forma contextualizada, a fim de expor lógica e claramente as reflexões e argumentação dos autores. Ou seja, o Ensaio deve mostrar criticamente as contradições teórico-científicas sobre o tema, levando os leitores a também refletirem criticamente sobre o tema numa perspectiva futura de investigação.

Editores
  • [CEFE] Editor Comissão Editorial
Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

Ponto de Vista

O Ponto de Vista se constitui como um artigo sobre um tema em que há divergências teóricas e metodológicas, em que os autores apresentam a sua contribuição na reflexão sobre o mesmo. O Ponto de Vista se diferencia do artigo de Ensaio quando os autores defendem claramente um posicionamento teórico sobre determinado tema em questão. Ao apresentarem um claro posicionamento sobre determinada abordagem teórica sobre o tema, sua defesa não implicará, necessariamente, numa orientação para investigações futuras.

Editores
  • [CEFE] Editor Comissão Editorial
Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

Os sistemas de avaliação dos trabalhos são o peer view (por pares) e o blind (revisão cega). Todos os trabalhos serão avaliados por, no mínimo, dois Consultores com experiência profissional-acadêmica na área, os quais não serão informados sobre a origem e os autores dos artigos. Estes avaliadores emitirão parecer fundamentado que será utilizado pelos editores para decidir sobre a aceitação do manuscrito.


Os critérios de avaliação dos trabalhos são:
Originalidade: se o trabalho representa uma produção inédita, inventiva, baseada numa abordagem criativa e não apenas repetitiva.
Objetivação: se o trabalho consegue apreender os elementos constitutivos do fenômeno estudado (ainda que seja uma tentativa nunca completa), fazendo isso em consonância com o referencial teórico-metodológico adotado.
Coerência: se o trabalho elabora um processo argumentativo que não apresente contradições. Significa sua propriedade lógica, ou seja, contêm argumentações bem estruturadas, desdobramento do tema de modo progressivo e sistemático, com começo, meio e fim. Evolui o trabalho sem contradições, com técnicas apropriadas e conhecimento de autores e teorias.
Consistência: se o trabalho apresenta argumentação sólida, passível de ser questionada e mesmo assim resistir. As argumentações são atuais e/ou são legítimas para a explicação do fenômeno estudado.
Normas técnicas: se o trabalho está apresentado em acordo com a forma de linguagem, redação e formatação adequadas à área de conhecimento.

 

 

Periodicidade

O Caderno de Educação Física e Esporte tem periodicidade semestral (1° semestre: Jan./Jun.; 2° semestre: Jul./Dez.), com divulgação tanto na versão impressa como na versão eletrônica, sendo uma das revistas que integra o Projeto SABER (Sistema de Acesso à Biblioteca Eletrônica de Revistas) da Universidade Estadual do Oeste do Paraná – Unioeste. O Projeto SABER usa a plataforma SEER/OJS (Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas/Open Journal Systems) do IBICT (Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia).

 

Política de Acesso Livre

Nosso periódico é de acesso livre e imediato a partir do momento da publicação de cada artigo e fascículo, que são distribuídos sob licença do Creative Commons, que permite que o usuário também tenha acesso aberto a todos os demais artigos já publicados.

 

 

 

Arquivamento

Esta revista utiliza o sistema LOCKSS para criar um sistema de arquivo distribuído entre as bibliotecas participantes e permite às mesmas criar arquivos permanentes da revista para a preservação e restauração. Saiba mais...

 

Avaliadores Ad Hoc

Adelar Aparecido Sampaio, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Alan Camargo Silva, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Brasil
Alberto Saturno Madureira, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Alexandre Palma, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Brasil
Aline Miranda Strapasson, Faculdade de Americana (FAM) Brasil
Aline Tschoke, Faculdade de Americana (FAM), Brasil
Ana Maria Pereira, Universidade Estadual de Londrina (UEL), Brasil
Andreia Pelegrini, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Brasil
Arestides Pereira da Silva Júnior, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Ariane Pacheco, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Brasil
Ariane Silveira Dias Zabaleta, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Brasil
Bruno Otávio de Lacerda Abrahão, Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univale), Brasil
Carlos Fabre Miranda, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Brasil
Carmem Elisa Henn Brandl, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Carolina Fernandes da Silva, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Brasil
Cezar Barbosa Santolin, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Brasil
Cibele Biehl Bossle, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (ITFRS) Brasil
Cristiano Mezzaroba, Universidade Federal de Sergipe (UFS), Brasil
Cristino Julio Alves da Silva Matias, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Brasil
Dartel Ferrari Lima, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Douglas Roberto Borella, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Edilson Hobold, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Edmilson Santos Santos, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Brasil
Eduardo Klein Carmona, Instituto Federal de Brasília (IFB), Brasil
Eduardo Vignoto Fernandes, Universidade Federal de Goias (UFG) - Regional Jataí, Brasil
Eliane Mahl, Escola Superior de Tecnologia e Educação de Porto Ferreira (ESPF), Brasil
Eneida Maria Troller Conte, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Esteban Manuel Barcelona, Universidad Nacional de Rio Cuarto (UNRC), Argentina
Ester Liberato Pereira, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), Brasil
Evandra Hein Mendes, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Fabiano Bossle, Universidade Federal do Rio Grande Sul (UFRGS), Brasil
Felipe Canan, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Fernando Neitzke, Universidade Estadual de Maringá (UEM), Brasil
Flávio Py Mariante Neto, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Brasil
Francisco Salviano Sales Nobre, Instituto Federal do Ceará (IFC), Brasil
Gileno Edu Lameira de Melo, Universidade do Estado do Pará (UEPA), Brasil
Giovani Firpo Del Duca, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Brasil
Guilherme Moraes Balbim, University of Illinois at Chicago (UI), USA
Gustavo André Borges, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Gustavo Roese Sanfelice, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Guy Ginciene, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Brasil
Ileana Wenetz, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), Brasil
Inácio Brandl Neto, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Ivan Marcelo Gomes, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Brasil
João Fernando Christofoletti, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Jociane de Carvalho Myskiw, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Brasil
Jorge Both, Universidade Estadual de Londrina (UEL), Brasil
José Carlos Mendes, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Juan Pedro Fuentes Garcia, Universidad de Extremadura (UEx), España
Juliana de Paula Figueiredo, Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Brasil
Juliano de Souza, Universidade Federal do Paraná (UFPR), Brasil
Junior Vagner Pereira Silva, Universidade Católica de Brasília (UCB), Brasil
Kelly Samara Silva, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Brasil
Luciano Juchem, Universidade Federal do Vale do São Francisco (UNIVASF), Brasil
Lucinar Jupir Forner Flores, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Luís Eduardo Thomassim, Universidade Federal do Paraná (UFPR), Brasil
Luís Sérgio Peres, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Luiz Fernando Framil Fernandes, Universidade da Região da Campanha, Brasil
Luiz Gustavo Nascimento Haas, Faculdade de Motricidade Humana (FMH), Portugal
Marcelo Romanzini, Universidade Estadual de Londrina (UEL) Brasil
Marcos Bagrichevsky, Fundação Universidade Regional de Blumenau (FURB), Brasil
Marcos Garcia Neira, Universidade de São Paulo (USP), Brasil
Marcos Roberto Queiroga, Universidade Estadual do Centro Oeste do Paraná (Unicentro), Brasil
Maria das Graças Anguera, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Matias Noll, Instituto Federal Goiano (IFG), Brasil
Mauro Myskiw, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) Brasil
Nadjila Tejo Machado, Centro Universitário Santa Rita (Unisantarita) Brasil
Paula Bianchi, Universidade Federal do Pampa (Unipampa) Brasil
Paulo Daniel Sabino Carrara, Universidade de São Paulo (USP), Brasil
Priscila Augusta Ferreira Campos, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) Brasil
Rafael da Silva Mattos, Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), Brasil
Raquel da Silveira, Universidade de São Paulo (USP), Brasil
Regina Alves Thon, Universidade Paranaense (Unipar), Brasil
Reis Pedro Ferreira Reis, Centro Universitário Dinâmica das Cataratas (UDC), Brasil
Renan Felipe Hartmann Nunes, Universidade Paranaense (Unipar), Brasil
Robson Ruiz Olivoto, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Rosângela Ramos Veloso Silva, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), Brasil
Rodrigo Lema Del Rio Martins, Universidae Federal do Tcantins (UFTO), Brasil
Santiago Pich, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), Brasil
Sidinei Pithan da Silva, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (Unijuí), Brasil
Suzete Calvete, Universidade Federal do Paraná (UFPR), Brasil
Taís Steffenello Ghisleni, Centro Universitário Franciscano (UNIFRA), Brasil
Thiago Sousa Matias, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Brasil
Valter Cordeiro Barbosa Filho, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Brasil
Verónica Gabriela Silva Piovani, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Victor Julierme Santos da Conceição, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Brasil
Viviane de Almeida Fernandes, Universidade Federal da Bahia (UFBA), Brasil
Wellington Roberto Gomes de Carvalho, Universidade Federal de Uberlândia (UFU), Brasil