O panorama do atletismo no Programa “Bolsa-atleta”: uma análise entre os anos de 2011 a 2013

Francielly Nascimento Anunciação, Marcelo Moraes e Silva, Ana Paula Cabral Bonin-Maoski, Carla Cristina Tagliari, Jeferson Roberto Rojo, Fernando Marinho Mezzadri

Resumo


O presente artigo busca traçar um panorama do programa de auxílio governamental “Bolsa-Atleta” na modalidade de Atletismo, entre os anos de 2011 a 2013. A escolha do esporte em questão deveu-se ao fato de ser o que mais obteve atletas beneficiados na história do programa. As fontes utilizadas nesta pesquisa foram retiradas das listagens dos atletas disponibilizadas no site do Ministério do Esporte e os dados emitidos pela Controladoria Geral da União (CGU) sobre o programa. As variáveis utilizadas foram: modalidades, nível de bolsa, sexo, e distribuição geográfica dos atletas. As principais conclusões desta pesquisa são as seguintes: a maioria dos atletas beneficiados encontra-se nos níveis intermediários de rendimento; existe um equilíbrio entre os sexos entre os esportistas contemplados, com pequena predominância do masculino; e que os beneficiados estão localizados principalmente nas regiões Sudeste e Sul, com uma concentração significativa no estado de São Paulo.

ABSTRACT. The panorama of athletics in the “bolsa-atleta” program: an analysis between the years of 2011 to 2013. This paper aims to understand what are the main impacts of the government  program “Bolsa Atleta” in the modality of athletics. The period of time used in this study delimits the years 2011 to 2013. The choice of this modality was due to the fact that it was the one that obtained more athletes benefited in the history of the program. The sources used in this research were obtained from lists of athletes included in the program, available on the website of the Ministry of Sport, and the data issued by the Comptroller General of the Union  on the program. The variables used were: modalities, level of grant, gender, and geographic distribution of the athletes. The main conclusions of this study are the following: the majority of the athletes benefited is in the intermediate performance levels; there is a balance between the genders among athletes contemplated by the program, with slight predominance of males; and that the beneficiaries are located mainly in the Southeast and South, with a significant concentration in the state of São Paulo.


Palavras-chave


Palavras-chaves: Políticas Públicas; Atletismo; Financiamento Público.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Lei N°. 10.891, de 9 de julho de 2004. Institui o Programa Bolsa-Atleta. Brasília.

BRASIL. Medida Provisória N°. 502, de 20 de setembro de 2010. Dá nova redação às Leis N°. 9.615, de 24 de março de 1998, que institui normas gerais sobre desporto, e N°. 10.891, de 9 de julho de 2004, que institui a Bolsa- Atleta; cria os Programas Atleta Pódio e Cidade Esportiva, e dá outras providências.

BRASIL. Eventos esportivos classificatórios para o programa Bolsa-Atleta (2005-2014). Ministério do Esporte. Brasília, Documento mimeografado, 2014.

BRITO, N. J. P. O percurso desportivo no atletismo: análise centrada nos rankings femininos. 2002. 251f. Dissertação (Mestrado em Ciências do Despostos) - Universidade do Porto, Porto, 2002.

CAETANO, M. I S. L. Análise dos rankings nacionais de atletismo ao longo de um período de 10 anos (1998- 2007). 2007. 80f. Monografia (Licenciatura em Desporto e Educação Física) – Universidade do Porto, Porto, 2007.

CAMARGO, P. R.; MEZZADRI, F. M. Políticas públicas para o esporte: o programa bolsa-atleta e sua abrangência na base do handebol no Brasil. Pensar a Prática, Goiânia, v. 20, n. 1, p. 39-52, 2017.

CBAt. Confederação Brasileira de Atletismo. Disponível em: . Acessado em: 15 de setembro de 2015.

CORRÊA, A. J. Financiamento do esporte olímpico brasileiro: mapeamento inicial do programa “Bolsa- Atleta”. 2013. 86f. Monografia (Graduação em Educação Física) – Departamento de Educação Física, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2013.

CORRÊA, A. J. A autonomia da vontade das confederações esportivas no programa Bolsa-Atleta: análise da legislação e suas relações. 2016. 134f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Departamento de Educação Física. Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2016.

CORRÊA, A. J; MORAES E SILVA, M.; MEZZADRI, F. M.; CAVICHIOLLI, F. R. Financiamento do esporte olímpico de verão brasileiro: mapeamento inicial do programa Bolsa-Atleta (2005-2011). Pensar a Prática, Goiânia, v. 17, n. 1, p. 1-15, 2014.

DIAS, Y. R.; MORAES E SILVA, M.; FIGUERÔA, K. M.; NUNES, R. J. S.; ROJO, J. R.; MEZZADRI, F. M. O judô no programa governamental Bolsa-Atleta: a distribuição espacial dos bolsistas (2011-2013). Pensar a Prática, Goiânia, v. 19, n. 1, p. 118-29, 2016a.

DIAS, Y. R.; MORAES E SILVA, M.; FIGUERÔA, K. M.; ROJO, J. R.; MEZZADRI, F. M. O panorama do judô no programa “Bolsa-Atleta”: uma análise entre os anos de 2011 a 2013. Motrivivência, Florianópolis, v. 28, n. 49, p. 82-98, 2016.

FIGUERÔA, K. M.; MEZZADRI, F. M.; MORAES E SILVA, M. Rio 2016 e os Legados de Esporte de Lazer. Licere, Belo Horizonte, v. 17, n. 3, p. 99-133, 2014.

GODOY, L.; MEZZADRI, F. M.; MORAES E SILVA, M.; STAREPRAVO, F. A. Contradições entre a agenda política brasileira e o sistema nacional de esporte e lazer. Revista Universitaria de la Educación Física y el Deporte, Montevideo, v. 8, n. 8, p. 59-67, 2015.

GREEN, M.; HOULIHAN, B. Elite sport development: policy learning and political priorities. London: Routledge, 2005.

GUIMARÃES, A. S. A Bolsa-Atleta eleva o desempenho de seus beneficiários? Análise do período 2005- 2008. Texto para Discussão 50, Senado Federal, Brasília, 2009. Disponível em: Acessado em: 14 de junho de 2014.

GUIRRA, F. J. S. V Jogos mundiais militares e a reinserção do esporte militar na política esportiva nacional. 2014. 231f. Tese (Doutorado em Educação Física) – Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2014.

HOULIHAN, B. Sport and Society. London: Sage Publications LTD., 2008.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA – IBGE. Censo Demográfico 2010. Características da população e dos domicílios. Resultados do Universo. Rio de Janeiro, 2011. Disponível em: . Acessado em: 10 de outubro de 2014.

LIMA, L. B. Q. Representatividade da ginástica artística feminina paulista no cenário brasileiro (2011-2014). 2016. 146f. Dissertação (Ciência da Motricidade) – Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Rio Claro, 2016.

MASSA, M.; UEZU, R.; BÖHME, M. T. S. Judocas olímpicos brasileiros: fatores de apoio psicossocial para o desenvolvimento do talento esportivo. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 24, n. 4, p. 471-81, 2010

MASSA, M.; UEZU, R.; PACHARONI, R.; BÖHME, M. T. S. Iniciação esportiva, tempo de prática e desenvolvimento de judocas olímpicos brasileiros. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Florianópolis, v. 36, n. 2, p. 383-95, 2014.

MATTHIESEN, S. Q.; SILVA, M. F. G.; LIMA E SILVA, A. C. Atletismo na escola. Motriz, Rio Claro, v. 14, n. 1, p. 96-104, 2008.

MEZZADRI, F. M.; MORAES E SILVA, M.; FIGUERÔA, K. M; STRAEPRAVO, F. A. Sports policies in Brasil. International Journal of Sport Policy and Politics, London, v. 7, n. 4, p. 655-66, 2015a.

MEZZADRI, F. M.; MORAES E SILVA, M.; FIGUERÔA, K. M. Desenvolvimento de um método para as pesquisas em políticas públicas de esporte no Brasil. Motrivivência, Florianópolis, v. 27, n. 44, p. 49-63, 2015b.

MORAES E SILVA, M.; MEZZADRI, F. M.; SANTOS, N.; CAMARGO, P. R; FIGUERÔA, K. M. La configuración de la ordenación legal relacionada a la financiación del gobierno brasileño hacia el deporte de elite: un análisis a partir de la teoría de los juegos de Norbert Elias. Lúdica Pedagógica, Bogotá, n. 21/1, p.77-89, 2015a.

MORAES E SILVA, M.; MEZZADRI, F. M.; SOUZA, D. L.; SOUZA, P. M. O financiamento público do rúgbi brasileiro: a relação governo federal e Confederação Brasileira de Rugby (CBRu). Revista da Educação Física/ UEM, Maringá, v. 26, n. 2, p. 245-86, 2015b.

MORAES E SILVA, M.; MEZZADRI, F. M.; FIGUERÔA, K. M.; STAREPRAVO, F. A. El panorama de las políticas públicas del deporte em Brasil. Revista Observatorio del Deporte, Santiago, v. 2, n. 2, p. 163-88, 2016.

OAKLEY, B.; GREEN, M. Elite sport development systems and playing to win: uniformity and diversity in international approaches. Leisure Studies, London, v. 20, n. 4, p. 247–67, 2001.

ORDONHES, M. T.; LUZ, W. R. S.; CAVICHIOLLI, F. R. Possíveis relações entre investimentos públicos e obtenção de resultados: o caso da natação brasileira. Motrivivência, Florianópolis, v. 28, n. 47, p. 82-95, 2016.

REIS, R. E.; MORAES E SILVA, M.; FIGUERÔA, K. M.; ALMEIDA, B. S.; MEZZADRI, F. M. Diez años del programa federal “Bolsa Atleta”: una descripción de las modalidades paralímpicas. Pensar en Movimiento: Revista de Ciencias del Ejercicio y la Salud, San José, v. 14, n. 1, p. 1-16, 2016.

RODRIGUES, M. B. Programa Bolsa-Atleta e sua configuração no cenário esportivo brasileiro. 2016. 113f. Dissertação (Mestrado em Ciências do Movimento Humano) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2016.

SCHNEEBERGER, C. A.; FARAGO, L. A. Mini manual compacto de geografia do Brasil: teoria e prática. São Paulo: Rideel, 2003.

VIEIRA, L. F. O processo de desenvolvimento de talentos paranaenses do atletismo: um estudo orientado pela teoria dos sistemas ecológicos. 1999. 174 f. Tese (Doutorado em Educação Física) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 1999.

VIOLLET, B.; SCELLES, N.; FERRAND, A. Le processus de conception de la politique sportive d’une fédération nationale: Proposition d’un cadre d’analyse. Revue Europeenne de Management du Sport, Voiron, v. 47, p. 39- 63, 2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Incluir comentário ';



Direitos autorais 2017 Direitor Autorais Partilhados



Caderno de Educação Física e Esporte

Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE)

Campus de Marechal Cândido Rondon

Rua Pernambuco, 1777 | Centro

Marechal Cândido Rondon | Paraná | 85960-000

F: (45) 3284 7855

E-mail: revista.cefe@unioeste.br

Facebook: https://www.facebook.com/RevistaCEFE/