A dança na formação e desenvolvimento profissional em educação física: dimensões ético-estéticas em foco

Vitor Hugo Marani, Silvia Pavesi Sborquia

Resumo

Objetivo: Este ensaio tematiza a dança sob viés da dimensão ético-estética das práticas corporais na formação do profissional de Educação Física. Método: Relato de experiência construído em meio a experiências pedagógicas realizadas no curso de Educação Física da Universidade Federal de Mato Grosso (Campus Universitário do Araguaia) e no curso de Educação Física da Universidade Estadual de Londrina, furto de parcerias institucionais, nas disciplinas “Dança” das referida instituições. Resultados: A partir das reflexões instauradas no texto, deflagra-se a necessidade de se compreender a dança na formação e no desenvolvimento do profissional de educação física por meio das tensões entre razão e sensibilidade, cujo embasamento pedagógico consiga estimular o trato da ética e da estética como formas de mudança no paradigma da educação corporal. Conclusão: O trato pedagógico da dança no ensino superior vislumbrando uma educação ético-estética possibilita a ludicidade, a espontaneidade e a criação, categorias basilares para se pensar a dança em meio à formação e o desenvolvimento do profissional de educação física.

ABSTRACT. Dance in training and professional development in physical education: ethical-aesthetic dimensions in focus. Objective: This essay discusses dance under the ethical-aesthetic dimension of corporal practices in the formation of the Physical Education. Methods: Report of experience built in the midst of pedagogical experiences carried out in the Physical Education undergraduation of the Federal University of Mato Grosso and the State University of Londrina, theft of institutional partnerships. Results: From the reflections established in the text, it is necessary to understand dance in the formation and development of the physical education professional through the tensions between reason and sensitivity, whose pedagogical foundation can stimulate the treatment of ethics and aesthetics as forms of change in the body education paradigm. Conclusion: The pedagogical treatment of dance in higher education by envisaging an aesthetic-ethical education enables playfulness, spontaneity and creation, basic categories for thinking about dance in the midst of the formation and development of the Physical Education.

 

Palavras-chave

Dança; Ética; Estética

Texto completo:

PDF

Referências

BARRETO, D. Dança: ensino, sentidos e possibilidades na escola. Campinas: Autores Associados, 2004.

BETTI, M. Educação física e sociedade: a educação física na escola brasileira de 1º e 2º graus. São Paulo: Movimento, 1991.

BRASIL. Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais para o ensino fundamental. Brasília: MEC/SEF, 2000.

BRASILEIRO, L. T. O conteúdo dança em aulas de educação física: temos o que ensinar? Pensar a Prática, Goiania, v. 6, n. 1, p. 45-58, 2002-2003.

CASTELLANI FILHO, L. Pelos meandros da educação física. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, Campinas, v. 14, n. 3, p. 119-25, 1993.

CLARO, E. Método dança-educação física: uma reflexão sobre consciência corporal e profissional. São Paulo: Robe, 1988.

DAOLIO, J. Da cultura do corpo. Campinas: Papirus, 2003.

FERNANDES, C. Esculturas líquidas: a pré-expressividade e a forma fluida na dança educativa (pós) moderna. Caderno CEDES, Campinas, v. 21, n. 53, p. 7-29, 2001.

GUZZO, M. S. L.; FEDERICI, C. A. G.; ROBLE, O. J.; TERRA, V. D. S. Dança é política para a cultura corporal. Pensar a Prática, Goiânia, v. 18, n. 1, p. 212-22, 2015.

KUNZ, E. Transformação didático-pedagógica do esporte. Ijuí: Unijuí, 1994.

LABAN, R. Dança educativa moderna. 2. ed. São Paulo: Ícone, 1990.

LABAN, R. Domínio do movimento. São Paulo: Summus, 1978.

LARA, L. M. Educação e diálogo na cultura do corpo. In: GOERGEN, P. (Org.) Educação e diálogo. Maringá: Eduem, 2010.

LARA, L. M. Corpo, sentido ético-estético e cultura popular. Maringá: Eduem, 2011.

LARA, L. M. O sentido ético-estético do corpo na cultura popular e a estruturação do campo gestual. Movimento, Porto Alegre, v. 13, n. 2, p. 111-29, 2007.

LARA, L. M.; VIEIRA, A. P. Em foco... o corpo que dança: experiências docentes e intersubjetividades desafiadas. In: LARA, L. M. (Org.). Abordagens socioculturais em educação física. Maringá: Eduem, 2010.

MARQUES, D. A. P.; SURDI, A. C.; GRUNENNVALDT, J. T.; KUNZ, E. Dança e expressividade: uma aproximação com a fenomenologia. Movimento, Porto Alegre, v. 19, n. 1, p. 243-263, 2014.

MARQUES, I. Dançando na escola. São Paulo: Cortez, 2003.

MARQUES, I. Ensino de dança hoje: textos e contextos. São Paulo: Cortez, 1999.

MEDINA, J. P. S. A educação física cuida do corpo... e mente. 6. ed. Campinas: Papirus, 1983.

MORANDI, C. O ensino de dança nas escolas. In: STRAZZACAPPA, M.; MORANDI, C. Entre a arte e a docência: a formação do artista em dança. 4. ed. Campinas: Papirus, 2006.

NANNI, D. Dança educação: pré-escola à universidade. 4. ed. Rio de Janeiro: Sprint, 2003.

OLIVEIRA, V. M. O que é educação física. São Paulo: Brasiliense, 1983.

ROCHA, D. D.; REZER, R. Estética, formação inicial e dança: um olhar para a formação de professoresde educação física. Movimento, Porto Alegre, v. 21, n. 4, p. 865-76, 2015.

SBORQUIA, S. P.; GALLARDO, J. P. A dança no contexto da educação física. Ijuí: Uijuí, 2006.

SOARES, C. L. Educação física: raízes européias e Brasil. Campinas: Autores Associados, 1994.

STRAZZACAPPA, M. Dança na educação: discutindo questões básicas e polêmicas. Pensar a Prática, Goiânia, v. 6, n. 1, p. 73-85, 2002-2003.

';