A SANIDADE DA INSANIDADE NO ROMANCE "QUINCAS BORBA"

Bárbara Kaoane Morais de Souza, Deborah Alessandra Scherer

Resumo


Inúmeras são as pesquisas que buscam compreender não somente as obras de Machado de Assis, mas bem como o autor em si. No presente artigo estaremos utilizando como direcionamento o texto de Antônio Cândido, “Esquema de Machado de Assis”, no qual o mesmo expõem alguns pontos que as obras machadianas possuem em comum entre si, porém teremos como foco principal o romance Quincas Borba. Essa obra de Machado conta com personagens apresentados anteriormente em Memórias Póstumas de Brás Cubas, apresentando, entretanto, um estilo de narrativa diferente, mas de maneira alguma menos inovador, em um complexo conjunto de assuntos que se enredam, principalmente, em um só personagem. 


Palavras-chave


Antônio Cândido; Literatura Brasileira; Loucura.



Direitos autorais 2017 Ensaio - Revista de Divulgação Científica

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.