GESTÃO DE EGRESSOS NO ENSINO SUPERIOR: CONSTRUÇÃO TEÓRICA E O CASO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM SECRETARIADO EXECUTIVO DA UNIOESTE - PR

Carla Maria Schmidt, João Eduardo de Moura

Resumo


O egresso tem sido considerado uma rica fonte de informação para as instituições de ensino superior, uma vez que ele demonstra as habilidades e conhecimentos oferecidos pelas universidades durante a graduação. Ademais, o egresso pode fornecer informações sobre a realidade da área de atuação, colaborando para a melhoria da grade curricular dos cursos. Contudo, este tema ainda é incipiente e necessita maior compreensão. Nesse contexto, o presente estudo teve os seguintes objetivos: a) analisar as principais reflexões teóricas realizadas nos últimos anos sobre os egressos e sua importância para as instituições de ensino; b) apresentar o caso do processo de gestão de egressos do Curso de Secretariado Executivo da Unioeste. Para tanto, desenvolveu-se uma pesquisa de abordagem qualitativa, realizada a partir de pesquisa bibliográfica e documental. Os principais resultados apontam que, nos últimos anos, os egressos passaram a assumir uma notória importância para os cursos de graduação, pois estabelecem uma ligação entre a universidade e o mercado de trabalho. Dessa forma, o curso aqui analisado iniciou um processo importante de gestão de egressos, sendo fundamental, no entanto, a manutenção e a continuidade do mesmo.


Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Expectativa

_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

ISSN: 1982-3029 (versão eletrônica)

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Toledo 

Colegiado do Curso de Secretariado Executivo

Rua da Faculdade, 645 - Jd. Santa Maria

85903-000 - Toledo - Paraná;

| revista.expectativa@gmail.com |