AGRICULTURA ORGÂNICA E CONSERVAÇÃO AMBIENTAL: UMA VIABILIDADE PARA A PEQUENA PRODUÇÃO FAMILIAR NO ASSENTAMENTO CHICO MENDES EM POMBOS – PERNAMBUCO

Robson Soares Brasileiro

Resumo

O Estado de Pernambuco é marcado desde o período colonial pela monocultura da cana-deaçúcar,
pelo latifúndio, pela exploração e expropriação do trabalhador rural e pelos graves impactos
sócio-ambientais daí decorrentes. Num cenário mais recente, o estado tornou-se foco da luta pela
reforma agrária, sendo alvo dos vários movimentos em prol da distribuição mais igualitária da terra.
Atualmente, muitos assentamentos estão aderindo a práticas alternativas de cultivo como meio de
fortalecimento da produção familiar e promoção da qualidade ambiental no meio rural. Nessa
perspectiva, procura-se analisar até que ponto as novas práticas agrícolas estariam contribuindo para a
conservação do meio ambiente no Assentamento Chico Mendes em Pombos – Pernambuco.

Texto completo:

PDF