POLÍTICAS PÚBLICAS PARA A ATIVIDADE LEITEIRA NO MUNICÍPIO DE PATO BRANCO NO SUDOESTE DO PARANÁ

Cleverson Malagi, Marcos Junior Marini

Resumo


O objetivo deste artigo é levantar as políticas públicas desenvolvidas pelo Poder Público em relação à atividade leiteira do município de Pato Branco, abordando aspectos socioeconômicos e a influência da atividade leiteira para o desenvolvimento endógeno. Utilizou-se um estudo de caso, a partir de uma pesquisa quantiqualitativa. Para coleta de dados utilizou-se fontes secundárias a partir da consulta em bases governamentais. Os resultados demonstram que a maior atuação em termos de políticas públicas é realizada pelo próprio município por meio da Secretaria de Agricultura. Em relação ao desenvolvimento endógeno local, a atividade leiteira é forte indutora, contribuindo de forma considerável na questão socioeconômica. Constatou-se ainda que a atividade demanda de maior organização local. Por outro lado, observa-se uma constante expansão da atividade leiteira no Município com grandes ganhos de produção e renda. Como estudos futuros, sugere-se identificar o conjunto participante desta possível rede leiteria, bem como, seus níveis de relacionamentos.

Palavras-chave


Desenvolvimento Endógeno. Atividade Leiteira. Políticas Públicas. Sudoeste do Paraná.

Texto completo:

PDF


INFORME GEPEC


e-ISSN: 1679-415X — ISSN: 1676-0670 (descontinuado em 2010)

Unioeste
Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Campus de Toledo
Informe Gepec- PGDRA
Rua da Faculdade, 645
Jardim La Salle - Toledo - Paraná
85903-000

[
revista.gepec@gmail.com ]