Emprego Formal e Informal: uma Análise para o Estado de Mato Grosso do Sul

Jessica Santos Fernandes, Madalena Maria Schlindwein

Resumo


O objetivo deste artigo é fazer uma caracterização do nível de emprego no estado de Mato Grosso do Sul, considerando um período histórico. Com base nos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, pretende-se comparar os indicadores de emprego com os dados da região Centro-Oeste, fazendo uma análise do nível de emprego nesta região. Os resultados mostram que no estado de Mato Grosso do Sul, há uma tendência à formalização do emprego e, em contrapartida, uma redução da informalidade. No período de 2001 a 2008, verificou-se um aumento de 27,58% no emprego formal e uma queda de 24,14% no emprego sem carteira de trabalho assinada.


Palavras-chave


Emprego; Mato Grosso do Sul; Economia

Texto completo:

PDF


INFORME GEPEC


e-ISSN: 1679-415X — ISSN: 1676-0670 (descontinuado em 2010)

Unioeste
Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Campus de Toledo
Informe Gepec- PGDRA
Rua da Faculdade, 645
Jardim La Salle - Toledo - Paraná
85903-000

[
revista.gepec@gmail.com ]