Características agronômicas de genótipos de quinoa

Edmar Soares de Vasconcelos, Jonas Francisco Egewhart, Giovani Andreazza de Oliveira, Jeferson Tiago Piano

Resumo

Este trabalho teve como objetivo avaliar as características de interesse agronômico de oito genótipos de quinoa, oriundos do Programa de Melhoramento de Quinoa da UNIOESTE, no ano agrícola 2011/2012. O experimento foi realizado na Estação Experimental Dr. Antonio Carlos dos Santos Pessoa, município de Marechal Cândido Rondon/PR. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos inteiramente ao acaso com oito tratamentos (genótipos) e três repetições. Os genótipos utilizados foram: Q10-43, Q10-42, Q10-36, Q10-09, Real, Q10-12, Q10-11 e Q10-23. A semeadura foi realizada no mês de outubro de 2011. Foi utilizada densidade de 35 sementes por metro linear. A adubação de base utilizada foi de 250 kg ha-1 do formulado 08-20-20, e 25 dias após a emergência foi realizada adubação em cobertura na dose de 150 kg ha-1 de N. Houve diferença significativa entre os genótipos para o ciclo e produtividade. Os genótipos Q10-43, Q10-42, Q10-36, Q10-09, Real e Q10-12 superaram a média do genótipo Q10-23, apresentando valores de produtividade acima de 1275 kg ha-1. Quanto ao ciclo, houve diferença significativa apenas entre os genótipos Q10-23, que apresentou ciclo de 123 dias, e o genótipo Q10-42 o qual apresentou ciclo de 115 dias. Os genótipos Q10-43, Q10-42, Q10-36 e Q10-09 apresentaram potencial produtivo para continuarem sendo avaliados, em ensaios posteriores, visando selecionar cultivares adaptadas as condições ambientais de Marechal Cândido Rondon.

Palavras-chave

produção de grãos, índice de rendimento relativo, desenvolvimento de plantas, maturação.

Texto completo:

PDF