Perspectivas e dilemas da produção historiográfica recente sobre trabalhadores, sindicatos e estado no Brasil

Marcelo Badaró Mattos

Resumo

O artigo propõe um balanço da historiografia sobre trabalhadores e sindicatos no Brasil, com ênfase nas novas perspectivas abertas pelos trabalhos produzidos na década de 1990. Especial atenção é dedicada à discussão do período 1945-1964, avaliando uma série de abordagens críticas em relação aos conceitos de sindicalismo populista e populismo

Palavras-chave

Sindicalismo; populismo; historiografia

Texto completo:

PDF