A IMPLEMENTAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS: O CASO DO “ESTADO DA CIDADE – UM RETRATO DE CANOAS”

Thaís da Rosa ALVES

Resumo


O presente artigo tem como objetivo analisar as diferenças entre o projeto de implementação e a execução da política pública “Estado da Cidade – um retrato de Canoas” no período de 2011-2016, bem como a não apropriação da política pelos gestores públicos. A partir do estudo de caso, foram realizadas a análise do projeto de implementação da política e de entrevistas com gestores públicos municipais, juntamente com a literatura. As mudanças na implementação correspondem às dificuldades que não têm como serem previstas no policy environment. Sendo assim, a implementação consiste em um processo permeado por elementos que afetam a execução da política pública e que não têm como serem controlados.

Palavras-chave


Políticas públicas; Implementação; Estado da Cidade – um retrato de Canoas.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2017 Alamedas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Revista Alamedas - Revista Eletrônica de Filosofia


e-ISSN 1981-0253

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Toledo

Rua da Faculdade, 645 - Jardim La Salle

CEP: 85903-000 – Toledo-Paraná-Brasil

Fone: (45) 3379-7071

| revistaalamedas@gmail.com |