A TECNOLOGIA NAS LICENCIATURAS EM LETRAS PORTUGUÊS/INGLÊS DAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS PARANAENSES

Autores

DOI:

https://doi.org/10.48075/ra.v7i1.22492

Palavras-chave:

Tecnologia, Educação, Formação Inicial.

Resumo


O proposto artigo pretende analisar como a tecnologia vem sendo contemplada nos cursos de Licenciatura em Letras Português/Inglês das quatorze universidades públicas paranaenses. Entende-se que a tecnologia pode contribuir para o ensino como uma profícua parceira, inclusive tendo sua implementação aconselhada e incentivada nos documentos que orientam as políticas públicas de ensino, devendo, portanto, ser um alvo para os professores. Ao mesmo tempo, nota-se igualmente que apesar de ser reconhecida a necessidade e as vantagens do uso da tecnologia na educação isso muitas vezes não é feito ou não se tem o resultado esperado. O motivo de tal fato acontecer já foi atribuído à formação inicial. Com base na análise de seus documentos nota-se que metade dessas universidades nem ao menos faz menção as tecnologias, e que a outra parte que a aborda a inclui em disciplinas ofertadas e a contempla como objetivo a ser atingido no curso.

Biografia do Autor

Thais Mazotti Lins, Universidade Estadual do Oeste do Parana

Professora profissionalmente qualificada e com experiência em Língua Portuguesa, Literatura Brasileira, Redação e Língua Inglesa, com formação no curso de Letras com habilitação em Língua Portuguesa e em Língua Inglesa e respectivas literaturas pela UNIOESTE e pós graduação em Informática Instrumental Aplicada à Educação pela UTFPR e em Língua Inglesa pela UNIOESTE, com Mestrado em andamento na área de Ensino pela UNIOESTE.

Clodis Boscarioli, Universidade Estadual do Oeste do Parana

Clodis Boscarioli é Professor Associado na Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Campus de Cascavel, onde atua desde o ano de 2000, no Curso de Ciência da Computação. Docente permanente e orientador no Programa de Pós-graduação em Ensino (PPGEn) - nível de Mestrado e no Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Educação Matemática (PPGECEM) nível de Mestrado e Doutorado e docente colaborador no Programa de Pós-graduação em Tecnologias, Gestão e Sustentabilidade (PPGTGS) - nível de Mestrado Profissional, ambos na Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Campus de Foz do Iguaçu. Possui graduação em Informática e especialização em Ciência da Computação pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (1996 e 1999, respectivamente). É Mestre em Informática pela Universidade Federal do Paraná (2002). Doutor em Engenharia Elétrica pela Universidade de São Paulo (2008), e também especialista em Formulação e Gestão de Políticas Públicas pela Escola de Governo do Paraná em parceria com a Universidade Estadual do Oeste do Paraná (2008). Criador do Grupo PETComp (Programa de Educação Tutorial em Ciência da Computação) aprovado pela Sesu/MEC em 2010 do qual foi tutor até dez/2016. Suas áreas de interesse envolvem, de forma multidisciplinar, Banco de Dados, Interação Humano-computador, Design Instrucional, Aprendizado Computacional, Data Mining, Sistemas de Informação e Tecnologias [Assistivas] no Processo de Ensino-Aprendizagem, além de questões relacionadas ao Ensino de Computação. Líder do GIA (Grupo de Inteligência Aplicada) da UNIOESTE e pesquisador colaborador nos grupos de pesquisa ICONE-EPUSP e Tecnologias no uso, no ensino e na aprendizagem de línguas estrangeiras da UNIOESTE.

Downloads

Publicado

05-08-2019

Como Citar

LINS, T. M.; BOSCARIOLI, C. A TECNOLOGIA NAS LICENCIATURAS EM LETRAS PORTUGUÊS/INGLÊS DAS UNIVERSIDADES PÚBLICAS PARANAENSES. Alamedas, [S. l.], v. 7, n. 1, p. 111, 2019. DOI: 10.48075/ra.v7i1.22492. Disponível em: https://saber.unioeste.br/index.php/alamedas/article/view/22492. Acesso em: 30 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos e Ensaios