A INTELIGÊNCIA DOS TERRITÓRIOS: OS TERROIRS COMO ESPAÇOS DE INOVAÇÃO COLABORATIVA

António Manuel Alhinho Covas, Maria das Mercês Cabrita de Mendonça Covas

Resumo


Na sociedade do conhecimento a interação entre tecnologia e território é um assunto de elevada prioridade. A grande questão reside em saber até que ponto um território é não apenas um “objeto de conhecimento”, mas, também, um “objeto desejado”, isto é, um território com dupla inteligência, racional e emocional. Estas duas inteligências necessitam de estar reunidas se quisermos ter um território-rede verdadeiramente inovador e criativo. Neste aspeto, os terroirs são um excelente campo de ensaio para a investigação-ação em inovação colaborativa.



Palavras-chave


Inteligência Territorial; Signos Distintivos Territoriais; Territórios-Rede; Terroir; Smartificação do Território; Inovação Colaborativa.

Texto completo:

PDF


INFORME GEPEC


e-ISSN: 1679-415X — ISSN: 1676-0670 (descontinuado em 2010)

Unioeste
Universidade Estadual do Oeste do Paraná
Campus de Toledo
Informe Gepec- PGDRA
Rua da Faculdade, 645
Jardim La Salle - Toledo - Paraná
85903-000

[
revista.gepec@gmail.com ]