“O MUNDO SERIA OUTRO SEM MÃES”: TENSÕES NA RELAÇÃO MÃE E FILHA

Patrícia Martins Cozer, Regina Coeli Machado e Silva

Resumo


A partir do conto intitulado “Mãe, o cacete”, de autoria de Ivana Arruda Leite, pretende-se aprofundar o estudo de uma tensão muito peculiar à experiência das mulheres na sociedade contemporânea e na sociedade brasileira. A idéia principal que aparece durante a leitura do conto é a comparação entre o que seria o ideal de mãe e o que realmente ocorre nessa relação, na visão da personagem. O conto, ao abordar um tema considerado tabu, expõe e nos permite pensar, principalmente, a situação de mulheres que são mães na atualidade. O artigo está organizado pelo desenvolvimento de temas correlacionados em seções, de modo a evidenciar a relação literatura e sociedade.

Palavras-chave


literatura e sociedade, Ivana Arruda Leite, maternidade e mulher

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 1969 Direitos partilhados conforme licença CC BY-NC-SA 4.0

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

REVISTA IDEAÇÃO

____________________________________________________________________________________________________________

e-ISSN: 1982-3010 — ISSN: 1518-6911

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Foz do Iguaçu

Centro de Educação e Letras

Foz do Iguaçu - Paraná - Brasil

[ ideacao@yahoo.com.br ]