A inter-relação entre a estatística e a probabilidade: um estudo sobre os conhecimentos de professores de matemática do ensino médio sobre a curva normal

André Fellipe Queiroz Araújo, José Ivanildo Felisberto de Carvalho

Resumo

Resumo: No presente texto, são discutidos os resultados parciais de um estudo que propõe uma investigação sobre os conhecimentos didático-matemáticos de professores de Matemática do Ensino Médio relativos à relação mútua entre a Estatística e a Probabilidade por meio da Curva Normal. Para tanto, esse estudo está fundamentado no modelo teórico de Conhecimentos e Competências Didático-Matemáticos do professor – CCDM, desenvolvido no âmbito da teoria do Enfoque Ontossemiótico. Apresentaremos aqui uma discussão sobre os conhecimentos de três professores de Matemática do Ensino Médio da rede pública da Educação Básica do estado de Pernambuco. A coleta de dados consistiu na aplicação de um questionário diagnóstico composto por seis questões. Os resultados apontam que os professores apresentam lacunas sobre os conhecimentos matemáticos e didáticos para o trabalho com a Curva Normal nesta etapa de escolaridade, na perspectiva de uma mobilização articulada entre os conceitos estatísticos e probabilísticos abarcados por esse modelo matemático.

Palavras-chave: Estatística; Probabilidade; Curva Normal; Conhecimentos e Competências Didático-Matemáticas; Formação de Professores.


The inter-relationship between statistics and probability: a study on the teachers knowledge of middle school mathematics on the normal curve

Abstract: In the present text, we discuss the partial results of a study that proposes an investigation on the didactic-mathematical knowledge of teachers of Mathematics of Secondary Education relative to the mutual relation between Statistic and Probability through the Normal Curve. Therefore, this study is based on the theoretical model of knowledge and competences Didactic-Mathematics of the teacher - CCDM developed within the scope of Ontossemiotic Approach theory. We will present here a discussion about the knowledge of three teachers of Mathematics of the High School of the public network of Basic Education of the state of Pernambuco. Data collection consisted of the application of a diagnostic questionnaire composed of six questions. The results show that teachers present incipient mathematical and didactic knowledge to work with the normal curve in this stage of schooling, in the perspective of an articulated mobilization between the statistical and probabilistic concepts covered by this mathematical model.

Keywords: Statistic; Probability; Normal Curve; Knowledge and Skills Didactic-Mathematics; Teacher training.

Palavras-chave

Estatística; Probabilidade; Curva Normal; Conhecimentos e Competências Didático-Matemáticas; Formação de Professores

Texto completo:

PDF

Referências

AZEVEDO, P. Introdução à Estatística. 3. ed. Natal: Editora Edufrn, 2016.

BAYER, A. et al. Preparação do formando em Matemática-licenciatura plena para lecionar Estatística no Ensino Fundamental e Médio. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS, 5., 2005, Bauru. Anais... Bauru: Editora Abrapec, 2005.

BATANERO, C.; DÍAZ, C. Training Teachers to Teach Statistics: what can we learn from research? Statistique et Enseignement, Paris, v. 1, n. 1, p. 5-20, apr. 2010.

BRASIL. Ministério da Educação e da Secretaria de Educação. Base Nacional Curricular Comum. Brasília, 2017.

BRASIL. Ministério da Educação e da Secretaria de Educação. Base Nacional Curricular Comum. Brasília, 2018.

CAZORLA, I.; SANTANA, E. Tratamento da informação para o ensino fundamental e médio. 1. ed. Itabuna: ViaLitterarum, 2006.

CARVALHO, J. I. F. Um estudo sobre os conhecimentos didáticos-matemáticos de probabilidade com professores de matemática dos anos finais do ensino fundamental. 2017. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Universidade Anhanguera de São Paulo, São Paulo, 2017.

FONT, V. Competencias profesionales en la formación inicial de profesores de matemáticas de secundaria. Revista Iberoamericana de Educación Matemática, San Cristóbal de La Laguna, v.1, n. 26, p. 9-25, jun. 2011.

GODINO, J. D., BATANERO, C. Significado institucional y personal de los objetos Matemáticos. Recherchesen Didactique dês Mathématiques, Granada, v. 14, n.3, p. 325-355, 1994.

GODINO J. D. Categorías de análisis de los conocimientos del profesor de matemáticas. Revista Iberoamericana de Educación Matemática, San Cristóbal de La Laguna, v.1 n. 20, p. 13-31, Dezembro 2009.

GODINO, J. D. Origen y aportaciones de la perspectiva ontosemiótica de investigación en didáctica de la matemática. In: SEMINARIO DE INVESTIGACIÓN. INVESTIGACIÓN EN EDUCACIÓN MATEMÁTICA, 16., 2012, Baeza. Anais... Granada, Ediciones Blanca, 2012, p. 49 – 68.

GODINO, J. D. et al. Articulando conocimientos y competências del profesor de matemáticas: el modelo CCDM. In: SEMINARIO DE INVESTIGACIÓN EN EDUCACIÓN MATEMÁTICA, 20., 2016, Málaga. Anais... Málaga: SIEM, 2016. p. 285-294.

GONÇALVES, P. Uma abordagem da distribuição normal através da resolução de uma situação problema com a utilização do software geogebra. 2014. Dissertação (Mestrado Profissional em Matemática) – Instituto de Matemática e Estatística, Universidade Federal de Goiás, Goiana, 2014.

GUIMARÃES, G. et al. A educação estatística na educação infantil e nos anos iniciais. Revista Zetetiké, Campinas, v. 17, n. 32, p. 11-28, jul./dez. 2009.

LOPES, C. O ensino da estatística e da probabilidade na educação básica e a formação dos professores, Cadernos Cedes, Campinas, v. 28, n. 74, p. 57-73, jan./abr. 2008.

LOPES, J. M.; TEODORO, J. V.; REZENDE, J. C. Uma proposta para o estudo de probabilidade no Ensino Médio. Zetetike, Campinas, v. 19, n. 36, p. 75-93, jul./dez. 2011.

LIMA, O. A. Distribuição Normal: Uma introdução voltada ao Ensino Médio por simulações via planilha eletrônica e exercícios interativos. 2009. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino de Matemática) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.

MACEDO, R. C. Conhecimentos de professores de matemática sobre o processo de ensino e de aprendizagem de noções estatísticas– curva normal. 2016. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Universidade Anhanguera de São Paulo, São Paulo, 2016.

MARTINS, G. E. Desvio padrão amostral. Revista de Ciência Elementar, Lisboa, v.1, n.1, p. 1, out./dez. 2013.

OLIVEIRA, M. M. Como fazer projetos, relatórios, monografias, dissertaçõese teses. 5. ed. Rio de Janeiro: editora Elsevier, 2011.

PINO-FAN, L.; GODINO, J. D. Perspectiva ampliada Del conocimiento didáctico-matemático Del profesor. Paradigma, Osomo, v.36, n. 1, p. 87-109, jun. 2015.

SANTANA, M. S. Traduzindo Pensamento e Letramento Estatístico em Atividades para Sala de Aula: construção de um produto educacional, Bolema, Rio Claro, v. 30, n. 56, p. 1165 - 1187, Dezembro, 2016.

SILVA, C. R. Da teoria à prática: uma proposta pedagógica para o ensino da estatística nos anos finais do ensino fundamental, Trabalho de conclusão de curso (Licenciatura em Matemática) – Instituto de Matemática, Estatística e Física, Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande, 2015

PERNAMBUCO.Secretaria de Educação.Parâmetros para a Educação Básica do Estado de Pernambuco, Parâmetros na sala de aula Matemática para o Ensino Fundamental e Médio. Recife, 2013.

TAUBER, L. La Construccióndel Significado de La Distribución Normal a partir de Actividades de Análisis de Datos. 2001. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Universidad de Servilla, Servilla, 2001.

VERGNAUD, G. A teoria dos Campos Conceituais. In: SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 1., 1993, Rio de janeiro. Anais... Rio de Janeiro: Nasser, 1993. p. 1-26.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.