O mapeamento de pesquisas brasileiras sobre o letramento estatístico de 2006 a 2018

Paulo Cesar Oliveira, Sandra Aparecida de Oliveira Coelho Paim

Resumo

Resumo: O objetivo deste trabalho foi mapear teses e dissertações brasileiras sobre o desenvolvimento do letramento estatístico fundanentado em Iddo Gal. Buscando responder “Que conclusões são apresentadas nas pesquisas envolvendo o letramento estatístico?”, a análise desse conjunto de pesquisas foi feito levando em conta os sujeitos participantes das pesquisas (docentes, futuros professores e estudantes da educação básica). As conclusões reveladas em determinadas pesquisas mostraram as limitações no nível de letramento estatístico das pessoas, enquanto, em outros casos, propostas alternativas de ensino-aprendizagem foram utilizadas como forma de promover o desenvolvimento do letramento estatístico.

Palavras-chave: Estatística; Educação básica; Ensino Superior; Estado da arte.


The mapping of brazilian research on statistical literacy from 2006 to 2018

Abstract: The objective of this work was to map Brazilian theses and dissertations on the development of statistical literacy based on Iddo Gal. Seeking to answer "What conclusions are presented in the surveys involving statistical literacy?", The analysis of this set of research was done taking into account the subjects participating in the research (teachers, future teachers and students of basic education). The conclusions revealed in some researches showed the limitations in the level of statistical literacy of the people, while in other cases alternative teaching-learning proposals were used as a way to promote the development of statistical literacy.

Keywords: Statistic; Basic education; Higher education; State of art.

Palavras-chave

Estatística; Educação básica; Ensino Superior; Estado da arte.

Texto completo:

PDF

Referências

ALMEIDA, C. C. Análise de um instrumento de letramento estatístico para o ensino fundamental II. 2010. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Faculdade de Educação, Universidade Bandeirantes, São Paulo. 2010.

ALMEIDA, R.Q. Notícias falsas: arma potente na batalha de narrativas das eleições. Ciência e Cultura, São Paulo, v. 70, n. 2, p. 9-12, abr./jun. 2018. Disponível em: http://cienciaecultura.bvs.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0009-67252018000200004. Acesso em: 25 maio. 2019.

BAKHTIN, M.M. Estética da criação verbal. Tradução de Paulo Bezerra. 5. ed. São Paulo: Editora WMF Martins Fontes, 2010.

BARBERINO, M.R.B. Ensino de Estatística através de projetos. 2016. Dissertação (Mestrado Profissional no Ensino de Matemática) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016.

BIFI, C.R. Conhecimentos estatísticos no Ciclo I do Ensino Fundamental: um estudo diagnóstico com professores em exercício. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2014.

BRASIL, Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática. Brasília: MEC/SEF, 1998. 148p.

BUNZEN JUNIOR, C.S. Dinâmicas discursivas na aula de Português: os usos do livro didático e projetos didáticos autorais. 2009. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada) – Instituto de Estudos de Linguagem, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2009.

CARDOSO, R. O Professor de Matemática e a análise exploratória de dados no Ensino Médio. 2007. Dissertação (Mestrado profissional em Educação Matemática) - Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.

COBELLO, L.S. Letramento estatístico: análise e reflexões sobre as tarefas contidas no material didático da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo para o Ensino Médio. 2018. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino de Ciências Exatas) - Centro de Ciências e Tecnologia para a Sustentabilidade, Universidade Federal de São Carlos, Sorocaba, 2018.

CONTI, K.C. O papel da Estatística na inclusão de alunos da Educação de Jovens e Adultos em atividades letradas. 2009. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2009.

CONTI, K.C. Desenvolvimento Profissional de Professores em Contextos Colaborativos em Práticas de letramento Estatístico. 2015. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2015.

CURI, E. Gêneros textuais usados frequentemente nas aulas de matemática: exercícios e problemas. In: Educação Matemática, leitura e escrita: armadilhas, utopias e realidades. LOPES, C. E.; NACARATO, A. M. (org). Campinas: Mercado de Letras, 2009.

DUVAL, R. Registros de representações semióticas e funcionamento cognitivo da compreensão em matemática. In: MACHADO, S. D. A. (org.). Aprendizagem em Matemática: Registros de Representação Semiótica. 4. ed. Campinas: Papirus, 2003. p. 11-33.

EXAME. Post do PSDB sobre João Doria recebe críticas em redes sociais e é apagado. Disponível em: . Acesso em: 25 maio. 2019.

FERREIRA, N. S. A. As pesquisas denominadas “estado da arte”. Educação & Sociedade, Campinas, v. 23, n. 79, p. 257-272, 2002.

FREIEL, S.N.; CURCIO, F. R.; BRIGHT, G. W. Making Sense of Graphs: Critical Factors Influencing Comprehension and Instructional Implications; Published by: National Council of Teachers of Mathematics, Journal for Research in Mathematics Education, Reston, v. 32, n. 2, p.124-158, 2001.

FREITAS, E.M.B. Relações entre mobilização do registro de representação semiótica e os níveis de letramento estatístico com duas professoras. 2010. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.

FRIOLANI, L C. O pensamento estocástico nos livros didáticos do ensino fundamental. 2007. Dissertação (Mestrado em Ensino de Matemática). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.

GAL, I. Adults’ statistical literacy: meanings, components, responsibilites. International Statistical Review, Netherlands, v. 70, n. 1, p. 1-50, 2002.

GAL, I. Understanding statistical literacy: About knowledge of contexts and models. In: CONTRERAS, J. M. et al. (ed.) Actas del Tercer Congreso Internacional Virtual de Educación Estadística. 3. ed. Granada: Universidade de Granada, 2019. 15 p. Disponivel en: http://www.ugr.es/local/fqm126/civeest.html. Acesso em: 25 maio. 2019.

GAZETA DO POVO. Boca de Urna aponta Jair Bolsonaro e Fernando Haddad no 2º turno. Curitiba, 2018. Disponível em: https://especiais.gazetadopovo.com.br/eleicoes/2018/pesquisas-eleitorais/ibope/boca-de-urna-aponta-jair-bolsonaro-e-fernando-haddad-no-2o-turno/. Acesso em: 25 maio. 2019.

GIORDANO, C.C. O desenvolvimento do letramento estatístico por meio de projetos: um estudo com alunos do Ensino Médio. 2016. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica, São Paulo, 2016.

GOULART, A. Um estudo sobre a abordagem dos conteúdos estatísticos em cursos de licenciatura em Matemática: uma proposta sob a ótica da ecologia do didático. 2015. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica, São Paulo, 2015.

KLEIMAN, A. B. Os Significados do Letramento. 1. ed. Campinas: Mercado de Letras, 2008.

MORAIS, T.M.R. Um estudo sobre o pensamento estatístico: “componentes e habilidades”. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.

OLIVEIRA, P. C.; BATISTA, A. C. A. Do letramento ao letramento estatístico: reflexões a partir de um grupo de pesquisa. In: ENCONTRO MINEIRO DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 8., 2018, Ituiutaba. Anais... Juiz de Fora: SBEM-MG, 2018. p. 1235-1246.

PAGAN, M. A. A interdisciplinaridade como proposta pedagógica para o ensino de estatística na educação básica. 2009. Dissertação (Mestrado em Ensino de Matemática) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.

PAIM, S. A. O. C. O estado da arte das pesquisas brasileiras sobre o letramento estatístico e probabilístico. 2019. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências Exatas) – Faculdade de Educação, Universidade Federal de São Carlos, Sorocaba, 2019.

QUEIROZ, T. N. Expressões afetivas na interpretação de dados. 2015. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática e Tecnológica) – Faculdade de Educação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2015.

ROBERT, A. Outils d´analyse des contenus mathématiques à enseigner au lycée à l´université. Recherches em didactique des Mathématiques, France, v. 18, n. 2, p. 139-190, avril, 1998.

SÁ, D. L. Elaboração e análise de um instrumento para verificar informações acerca do letramento estatístico de estudantes concluintes do ensino médio. 2015. Dissertação (Mestrado em Educação em Ciências) – Faculdade de Educação, Universidade Federal do Rio Grande, Rio Grande, 2015.

SANTANA, M.S. A educação estatística com base num ciclo investigativo: um estudo do desenvolvimento do letramento estatístico de estudantes de uma turma do 3º ano do ensino médio. 2011. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Faculdade de Educação, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2011.

SANTOS, C.; DIAS, C. Numeracia: uma janela com vista para a sociedade da informação. In: PEREIRA, S.; TOSCANO, M. (ed.). Literacia, Media e Cidadania: Livro de Atas do 3.º Congresso. 3. ed. Braga: CECS - Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade, 2015. p. 133-146.

SANTOS, D. M. N. Análise de livros didáticos conforme as considerações do programa nacional do livro didático: Estatística e Probabilidade. 2016. 145 p. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática). São Cristovão: Universidade Federal de Sergipe, 2016.

SANTOS, W.D. Letramento estatístico nos livros de ensino médio e a base nacional comum curricular. 2017. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino de Matemática) – Faculdade de Educação, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2017.

SHAMOS, M. H. The myth of scientific literacy. 1. ed. New Brunswick: Rutgers University Press, 1995.

SILVA, C.B. Pensamento Estatístico e Raciocínio sobre variação: um estudo com professores de Matemática. 2007. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.

SILVA, D. S. C. Letramento estocástico: uma possível articulação entre os letramentos estatístico e probabilístico. 2018. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2018.

SIMONE NETO, F. Análise do letramento estatístico nos livros didáticos do ensino médio. 2008. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.

SOARES, M. Letramento e alfabetização: as muitas facetas. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, n.25, p. 5-17, jan./abr. 2004.

VASQUES, R.S.B. Mobilização dos Conceitos Estatísticos: um estudo diagnóstico desses conceitos, envolvendo variabilidade, com alunos do Ensino Médio. 2007. Dissertação (Mestrado Profissional em Educação Matemática) – Faculdade de Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.

WALICHINSKI, D. Contextualização no ensino de estatística: uma proposta para os anos finais do ensino fundamental. 2012. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciência e Tecnologia) – Faculdade de Educação, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Ponta Grossa, 2012.

Apontamentos

  • Não há apontamentos.