GÊNEROS DISCURSIVOS E O ENSINO-APRENDIZAGEM DE JAPONÊS: O QUE OS TEXTOS TÊM A (NOS) ENSINAR

Renan Kenji Sales Hayashi

Resumo


Este artigo objetiva discutir a importância do uso das teorias dos gêneros discursivos no ensino de língua japonesa como língua estrangeira. Para tal, apresentamos brevemente algumas teorias trazidas da Linguística Sistêmico-Funcional (LSF), da análise do discurso crítica da linha britânica e dos gêneros discursivos da linguística textual. Em seguida, com base nessas teorias, analisamos um gênero discursivo – o ensaio – com vistas a ilustrar como o trabalho com gêneros discursivos poderia se inserir no processo de ensino-aprendizagem de japonês no Brasil.

 


Palavras-chave


Ensino de Japonês; Gêneros Discursivos; Linguística Sistêmico-Funcional

Texto completo:

PDF


Direitos autorais



Revista Trama

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

e-ISSN 1981-4674 

Unioeste

Universidade Estadual do Oeste do Paraná

Campus de Marechal Cândido Rondon 

Colegiado do Curso de Letras

Rua Pernambuco, 1777

Marechal Cândido Rondon - Paraná

Caixa Postal 91 - CEP: 85960-000

| trama.unioeste@gmail.com |