ATUALIZAÇÕES DE MITOS SOBRE EXU NO CINEMA: O CASO DO FILME BESOURO

Autores

  • Karliane Macedo Nunes

Palavras-chave:

Cinema e representação, Cultura negra

Resumo


DIFERENTES FORMAS DE REPRESENTAÇÃO DO UNIVERSO CULTURAL AFRO-BRASILEIRO DESEMPENHAM UM PAPEL FUNDAMENTAL PARA A COMPREENSÃO DE COMO ESSAS NARRATIVAS REPERCUTEM NO ENTENDIMENTO SOBRE AS CULTURAS NEGRAS. O FOCO DESTE TRABALHO É UMA SEQUÊNCIA DO FILME BESOURO (JOÃO DANIEL TIKHOMIROFF, 2009). ATRAVÉS DE UMA ABORDAGEM QUE DESTACA ELEMENTOS ANTROPOLÓGICOS E FÍLMICOS, BUSCO COMPREENDER AS ESTRATÉGIAS UTILIZADAS PARA A CONSTRUÇÃO DE EXU, PRINCIPALMENTE A PARTIR DE UM EXERCÍCIO DE APROXIMAÇÃO ENTRE A PERSONAGEM DO FILME E O ORIXÁ DAS NARRATIVAS MÍTICAS, TAIS COMO DESCRITAS NO LIVRO MITOLOGIA DOS ORIXÁS (2001), DE REGINALDO PRANDI. ASSIM, TORNA-SE POSSÍVEL REFLETIR SOBRE COMO O CINEMA CONTEMPORÂNEO VEM DANDO EVIDÊNCIA A TEMAS RELACIONADOS À MEMÓRIA DAS CULTURAS NEGRAS. 

Downloads

Publicado

05-11-2014

Como Citar

NUNES, K. M. ATUALIZAÇÕES DE MITOS SOBRE EXU NO CINEMA: O CASO DO FILME BESOURO. Travessias, Cascavel, v. 8, n. 2, 2014. Disponível em: https://saber.unioeste.br/index.php/travessias/article/view/10091. Acesso em: 19 jan. 2022.

Edição

Seção

ARTE E COMUNICAÇÃO