Vivência na monitoria de anatomia humana: relato de experiência de discentes-monitores do curso de Fisioterapia

Autores

  • Gleidially Nayara Bezerra De Moraes
  • Jéssica Gabriella Barros Falcão
  • Jéssica Gabriella Barros Falcão
  • Aline Araújo Gomes Sandes
  • Aline Araújo Gomes Sandes
  • Bruna Rocha Rodrigues
  • Bruna Rocha Rodrigues
  • Isadora Yasmim Monteiro Nascimento
  • Ricardo Kenji Shiosaki
  • Ricardo Kenji Shiosaki
  • Paulo Adriano Schwingel
  • Paulo Adriano Schwingel
  • Edivaldo Xavier da Silva Júnior

Palavras-chave:

Anatomia, ensino, experiência, formação.

Resumo


O presente artigo relata a importância da vivência da monitoria na vida acadêmica de discentes-monitores, da disciplina de Anatomia Humana, no curso de Fisioterapia da Universidade De Pernambuco (UPE) campus Petrolina. O estudo é de cunho qualitativo, utilizando o relato de experiência vivenciado por discentes-monitores da disciplina, no período de março de 2013 a dezembro de 2014. As atividades de monitoria foram desenvolvidas no laboratório de estudos e pesquisas em anatomia humana da referida universidade. Além do auxílio ao professor nas aulas práticas, os monitores fizeram parte de outras atividades promovidas pelo laboratório envolvendo o ensino, a pesquisa e a extensão. As experiências vivenciadas pelos monitores possibilitaram observar a importância da relação entre teoria e prática, viabilizando o processo de ensinoaprendizagem e ampliando os seus conhecimentos, perspectivas acadêmicas e profissionais.

Referências

ALBUQUERQUE, M. A. C. et al. Bioquímica como Sinônimo de Ensino, Pesquisae Extensão: um Relato de Experiência. Revista Brasileira de Educação Médica, Rio de Janeiro, v.36, n.1, p.137-141, 2012. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rbem/v36n1/a19v36n1.pdf>. Acessado em: 14 set. 2015.

ALVES, M. F. S.; OTOFUJI, M.; MUNIZ, R. F. Contribuições na formação docente a partir da atuação como monitor em um museu de ciência: relatos de experiência. In: II Simpósio Nacional de Ensino de Ciências e Tecnologia, 113., 2010, Curitiba. Anais... Paraná: 2010. v. 01, n. 01. Disponível em: <http://www.sinect.com.br/anais2010/artigos/FPECT/113.pdf>. Acesso em: 03 ago. 2016.

ARROIO, A. et al. Prática docente na formação do pós-graduando em química. Química Nova, v.31, n.7, p.1888-1891, 2008. Disponível em: <http://www.producao.usp.br/bitstream/handle/BDPI/6454/art_ARROIO_A_pratica_docente_na_formacao_do_pos-graduando_2008.pdf?sequence=1&isAllowed=y>. Acesso em: 03 ago. 2016.

ARRUDA, R. M.; SOUSA, C. R. A. Aproveitamento Teórico-Prático da Disciplina Anatomia Humana do Curso de Fisioterapia. Revista Brasileira de Educação Médica, Rio de Janeiro, v.38, n.01, p.65-71, 2014. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rbem/v38n1/09.pdf>. Acesso em: 10 out. 2015.

ASSIS, F. et al. Programa de Monitoria Acadêmica: percepções de monitores e orientadores. Revista de Enfermagem UERJ, Rio de Janeiro, v.14, n.3, p.391-397, 2006.

BARBOSA, M. G.; AZEVEDO, M. E. O.; OLIVEIRA, M. C. A. Contribuições da Monitoria Acadêmica para o Processo de Formação Inicial Docente de Licenciandas do Curso de Ciências Biológicas da FACEDI/UECE. Revista SBEnBio, São Paulo, v.7, n.2, p.5471-5479, 2014. Disponível em: <http://www.sbenbio.org.br/wordpress/wp-content/uploads/2014/11/R0387-1.pdf>. Acesso em: 03 ago. 2016.

BENITE, C. R. M.; BENITE, A. M. C.; ECHEVERRIA, A. R. Pesquisa na formação de formadores de professores: em foco, a Educação Química. Química Nova na Escola, São Paulo, v.32, n.4, p.257-266, 2010.

BORGES, A. T. Novos rumos para o laboratório escolar de ciências. Caderno Brasileiro de Ensino de Física, Belo Horizonte, v.19, n.3, p.291-313, 2002. Disponível em: <https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=5166013>. Acesso em: 12 out. 2015.

BRASIL. LEI Nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelecer as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, 23 dez. 1996. Seção 5, Art. 84, p.32.

FARÍAS, B. L. et al. Valoración de la actividad de modelos anatómicos en el desarrollo de competencias en alumnos universitarios y su relación con estilos de aprendizaje, carrera y sexo. International Journal Morphological, Temuco, v.29, n.2, p. 568-574, 2011. Disponível em: <http://www.scielo.cl/pdf/ijmorphol/v29n2/art45.pdf>. Acesso em: 12 out. 2015.

HAAG, G. S. et al. Contribuições da monitoria no processo ensino-aprendizagem em enfermagem. Revista Brasileira de Enfermagem, Brasília, v.61, n.2, p.215-220, 2008.

JAFFAR, A. A. Exploring the use of a facebook page in anatomy education. Anatomical Science Education, v.7, n.3, p.199-208, 2014.

KRYCHA, J. et al. Reciprocal peer teaching: students teaching students in the gross anatomy laboratory. Clinical Anatomy, Rochester, v.18, n.4, p.296-301, 2005. Disponível em: <http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/ca.20090/abstract>. Acesso em: 12 out. 2015.

LEITE, A. C. S.; SILVA, P. A. B.; VAZ, A. C. R. A Importância das Aulas Práticas para Alunos Jovens e Adultos: Uma Abordagem Investigativa sobre a Perspectiva dos Alunos do PROEF II. Ensaio, Belo Horizonte, v.7, n.3, p.01-16, 2005. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/epec/v7n3/1983-2117-epec-7-03-00166.pdf>. Acesso em: 03 ago. 2016.

LUNETTA, V. N. Actividades práticas no ensino da Ciência. Revista Portuguesa de Educação, Minho, v.2, n.1, p.81-90, 1991.

MATOSO, L. M. L. A importância da monitoria na formação acadêmica do monitor: um relato de experiência. Catussaba, Mossoró, v.3, n.2, p.77-83, 2014. Disponível em: <https://repositorio.unp.br/index.php/catussaba/article/view/567/461>. Acesso em 14 set. 2015.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 8. ed. São Paulo: Hucitec; 2004.

MONTES, M. A. A.; SOUZA, C. T. V.; LEMOS, E. S. Reflexões sobre as principais dificuldades enfrentadas pelos alunos de cursos de graduação da área de saúde no ensino de anatomia humana. In: I Encontro Nacional de Ensino de Biologia, 2005, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro, p. 49.

NATÁRIO, E. G.; SANTOS, A. A. A. Programa de Monitores para o Ensino Superior. Estudos de Psicologia, Campinas, v.27, n.3, p.355-364, 2010.

NUNES, J. T. et al. Teaching-learning process on the performance of monitoring activities: an experience report. Journal of Nursing, Recife, v.8, n.3, p.4165-4169, 2014. Disponível em: <http://www.revista.ufpe.br/revistaenfermagem/index.php/revista/article/view/6574/pdf_6665>. Acesso em: 10 jan. 2016.

NUNES, V. M. A. Monitoria em Semiologia e Semiotécnica para a Enfermagem: Um Relato de Experiência. Revista de Enfermagem da UFSM, Santa Maria, v.2, n.2, p.464-471, 2012. Disponível em: <http://periodicos.ufsm.br/index.php/reufsm/article/view/3212>. Acesso em: 03 ago. 2016.

PRIMON, C. S. F. Fatores que influenciam a formação do docente para o Ensino Superior em Química. 2014. 233f. Tese (Doutorado em Educação)Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014. Disponível em: <http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-28012015-143157/en.php>. Acesso em: 03 ago. 2016.

RAMOS, L. A. et al. Plano de monitoria acadêmica na disciplina de anatomia humana: relato de experiência. Revista Ensino, Saúde e Ambiente, Niterói, v.5, n.3, p.94-101, 2012. Disponível em: <http://ensinosaudeambiente.uff.br/index.php/ensinosaudeambiente/article/view/18/18>. Acesso em: 14 set. 2015.

REIDENBERG, J. S.; LAITMAN, J. T. The new face of gross anatomy. The Anatomical Record, New York, v.269, n.2, p.81-88, 2002. Disponível em: <http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/ar.10076/full>. Acesso em: 12 out. 2015.

SILVA JÚNIOR, E. X. et al. Elaboração de roteiros para o ensino-aprendizagem nas aulas práticas das disciplinas de anatomia humana e neuroanatomia. In: I Congresso Nacional de Educação, 01., 2014, Campina Grande. Anais... Paraíba: I CONEDU, 2014 v.1, n.1, p. 1-05. Disponível em: <http://www.editorarealize.com.br/revistas/conedu/trabalhos/Modalidade_1datahora_15_07_2014_22_59_18_idinscrito_3160_6ad18d13d81622ec0227b39630b0b40a.pdf>. Acesso em: 12 out. 2015.

SILVA, C. B.; LACERDA, A. M. Monitoria na disciplina em psicologia: Um relato de experiência. Hum@nae, Recife, v.9, n.1, 2015.

SILVA, E. F.; GUIMARÃES, J. G. S. Os professores do curso de Direito de uma IES privada: saberes e práticas docentes. In: Veiga IPA, Viana, CMQ.Anais... Docentes para a Educação Superior: processos formativos. Papirus, p.117-134,2010.

SILVA, K. R. S.; BRITO, V. C. Manual de aula prática para o ensino de anatomia humana. In: XIII Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão; 2013; Recife. Anais... Pernambuco: JEPEX – UFRPE, 2013.

Downloads

Publicado

06-09-2016

Como Citar

DE MORAES, G. N. B.; FALCÃO, J. G. B.; FALCÃO, J. G. B.; SANDES, A. A. G.; SANDES, A. A. G.; RODRIGUES, B. R.; RODRIGUES, B. R.; NASCIMENTO, I. Y. M.; SHIOSAKI, R. K.; SHIOSAKI, R. K.; SCHWINGEL, P. A.; SCHWINGEL, P. A.; DA SILVA JÚNIOR, E. X. Vivência na monitoria de anatomia humana: relato de experiência de discentes-monitores do curso de Fisioterapia. Travessias, Cascavel, v. 10, n. 3, p. 67–79, 2016. Disponível em: https://saber.unioeste.br/index.php/travessias/article/view/14863. Acesso em: 19 jan. 2022.

Edição

Seção

ENSAIOS E TEMAS INTERDISCIPLINARES