Publicidade, semiótica e intertextualidade: um estudo do sentido

Autores

  • Alex Sandro Araujo Carmo
  • Anna Patricia Jambersi

Palavras-chave:

Publicidade, semiótica, intertextualidade

Resumo


O presente artigo tem como objetivo analisar, em alguns casos pontuais, de que forma a publicidade (re)produz sentido ao utilizar a imagem da atriz Marilyn Monroe na cena do filme O pecado mora ao lado, de 1955. Para atingir este objetivo, a análise fundamenta-se na semiologia de Eco (2003 [1968]), principalmente nos estudos desenvolvidos em A estrutura ausente, e também nos estudos de Covaleski (2009) sobre a intertextualidade, a fim de compreender os níveis de mensagens e respectivamente os significados que as constituem.O trabalho está dividido em duas partes principais: a primeira visa à fundamentação teórica, enquanto a segunda aponta o processo analítico. Nesta perspectiva, acredita-se que esta pesquisa se dedica ainda em contribuir com estudos perante o uso de figuras icônicas como forma e estratégia de comunicação e persuasão.

Referências

BARTHES, Roland. (1964). O óbvio e o obtuso. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 1990.

CARMO, Alex. Publicidade, Semiótica e Discurso: conceitos e possíveis aplicações. In: CATTELAN, João; CARMO, Alex. Análise de Discurso: estudos de estados de corpora [volume II]. Toledo-PR: Editora da Fasul, 2016.

CARVALHO, Nelly. Publicidade: A linguagem da sedução. Rio de Janeiro: Editora Ática, 2003.

CONCEIÇÃO, Rômulo D. O Mito na Publicidade: Marilyn Monroe e a Campanha Seda. UNIFRA – Centro Universitário Franciscano – Santa Maria – RS. 2008. Disponível em: <https://lapecpp.files.wordpress.com/2011/05/o-mito-na-publicidade-monografia-completa-alt.pdf>. Acesso em 20 de março de 2016.

COVALESKI, Rogério. Cinema, Publicidade, Interfaces. Curitiba, PR: Maxi Editora, 2009.

ECO, Umberto. (1968). A Estrutura Ausente. São Paulo: Perspectiva, 2003.

MENEZES, Monalisa; VIANA, Pablo. Marilyn Monroe e publicidade: Análise do uso da imagem de celebridades mortas na promoção do consumo. In: Anais do XX Congresso de Ciências da Comunicação na Região Sudeste, Uberlândia, Minas Gerais. 2015.

SANTARELLI, Christiane. Processos de análise da imagem gráfica: Um estudo comparativo da publicidade de moda. 2009. Tese (Doutorado em Interfaces Sociais da Comunicação) – Escola de Comunicações e Artes, Universidade de São Paulo, São Paulo. 2009.

Downloads

Publicado

19-11-2016

Como Citar

ARAUJO CARMO, A. S.; JAMBERSI, A. P. Publicidade, semiótica e intertextualidade: um estudo do sentido. Travessias, Cascavel, v. 10, n. 3, p. 241–253, 2016. Disponível em: https://saber.unioeste.br/index.php/travessias/article/view/15149. Acesso em: 27 maio. 2022.

Edição

Seção

DOSSIÊ TEMÁTICO: REFLEXÃO LINGUÍSTICA A REBOQUE DA FALTA DE REFLEXÃO SOBRE A APLICAÇÃO TEÓRICA.