O marginal na formação do leitor

Autores

  • Fernando Juarez de Cardoso Mestre em Literatura Brasileira (UFRGS) e especialista em Formação do Leitor (UERGS) https://orcid.org/0000-0003-1037-1262
  • Ana Maria Bueno Accorsi Doutora em Letras – Teoria da Literatura (PUCRS). Professora adjunta na Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS). Coordenadora do Curso de Especialização Latu Sensu, Teoria e Prática da Formação do Leitor (UERGS). https://orcid.org/0000-0002-8223-4710

DOI:

https://doi.org/10.48075/rt.v14i2.24584

Palavras-chave:

Formação do leitor, Literatura Marginal, Literatura menor.

Resumo


Este artigo se propõe a debater a importância da Literatura Marginal, surgida a partir dos anos 2000, para a formação leitora, visando estabelecer a relação entre a produção desses autores e a emergência de um movimento que busca a sua legitimação fora da série literária canônica. Logo, pensando na relação existente entre as literaturas de minorias e as práticas e orientações que norteiam a formação do leitor é que este trabalho busca problematizar como a formação leitora pode, por meio de obras da Literatura Marginal, promover uma efetiva inserção dos chamados grupos sociais minoritários ou marginalizados nas práticas de letramento e que contribuem para o desenvolvimento linguístico do leitor em formação. Ainda, tem-se por objetivo deste artigo avaliar como a Literatura Marginal pode contribuir para uma diversificação e inclusão de conteúdos e temáticas culturais periféricas nas práticas de formação do leitor. Cabe ressaltar que não somente a adoção de textos de autores vinculados à Literatura Marginal (ou a outras literaturas de minorias) é que solucionará todo e qualquer problema relacionado à diversidade temática na formação do leitor. Contudo, se deseja que o presente debate inicie uma reflexão e possível ressignificação das práticas e objetivos que envolvam a formação de leitores, a partir da adoção de manifestações literárias variadas, que nem ao menos são mencionadas nos currículos.

Biografia do Autor

Fernando Juarez de Cardoso, Mestre em Literatura Brasileira (UFRGS) e especialista em Formação do Leitor (UERGS)

Mestre em Literatura Brasileira e graduado em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e especialista em Teoria e Prática da Formação do Leitor pela Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS). Possui experiência na área de Letras com ênfase em Literatura Brasileira atuando nos seguintes temas: literatura menor, literatura marginal, pobreza na literatura brasileira e formação do leitor.

Ana Maria Bueno Accorsi, Doutora em Letras – Teoria da Literatura (PUCRS). Professora adjunta na Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS). Coordenadora do Curso de Especialização Latu Sensu, Teoria e Prática da Formação do Leitor (UERGS).

Doutora e Mestre em Linguística e Letras e Licenciada em Letras Português/Inglês pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Especialista em Literatura Anglo-Americana pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Consultora terapêutica em dependência química pelo CEFI (Centro de estudos da família e do indivíduo). Professora adjunta da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, nos cursos de Mestrado Profissional em Educação (unidade em Osório), Especialização em Teoria e Prática da Formação do Leitor, Graduação em Letras, licenciatura e Curso de Engenharia de Energia, Curso de Engenharia em Biociências e Biotecnologia, e Tecnologia em Automação Industrial (Unidade em Porto Alegre); Coordenadora do Curso de Licenciatura em Letras: Português e Literaturas de Língua Portuguesa e do Curso de Especialização "Teoria e Prática da Formação do Leitor", UERGS,Unidade em Porto Alegre. Orientadora de alunos do Mestrado Profissional em Educação e de alunos bolsistas de Iniciação Científica, e Extensão em Letras, pela FAPERGS, CNPq e UERGS. Experiência na área de Letras, com ênfase em Ensino de Literatura, principalmente nos seguintes temas: qualificação do ensino, conhecimento de inglês, sucesso escolar, ensino de inglês, ensino de literatura, formação e qualificação do professor e formação do leitor. Lidera os grupos de pesquisa, CNPq, "Formação de Professores da Educação Básica: Linguagens e Artes em Contextos Educacionais" e "Linguagens e Culturas educacionais." integrante da Associação Brasileira de Leitura e da Associação Brasileira de Professores Universitários de Inglês. Membro eleito do Conselho Superior da Universidade (Consun), como representante docente. Membro do Comitê de Legislação e Normas do Consun/Uergs.

Referências

BATALHA, Maria Cristina. O que é uma Literatura Menor? Revista Cerrados, Brasília, v. 22, n. 35, p. 113-125, 2013.

BENEVENUTO, Silvana José. Literatura Marginal: a escrita como arma e instrumento de inserção cultural. In: ENCONTRO REGIONAL DE HISTÓRIA, XVIII, 2006, ANPUH/SP – UNESP/Assis. Anais... São Paulo, 24 a 28 de julho de 2006.

BLOOM, Harold. O cânone ocidental: os livros e a escola do tempo. Rio de Janeiro: Objetiva, 2010.

BRITTO, Luís Percival Leme. Escola, ensino de língua, letramento e conhecimento. Calidoscópio, Porto Alegre, vol. 5, n. 1, p. 24-30, jan./abr. 2007.

CANDAU, Vera Maria. Direitos humanos, educação e interculturalidade: as tensões entre igualdade e diferença. Revista Brasileira de Educação, v. 13, n. 37, p. 45-58, jan./abr. 2008.

DALCASTAGNÈ, Regina. Uma voz ao sol: representação e legitimidade na narrativa brasileira contemporânea. Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea, Brasília, n. 20, p. 33-87, jul./ago. 2002.

DELEUZE, Gilles; GATTARI, Felix. Kafka: por uma literatura menor. Rio de Janeiro: Imago Editora, 1977.

FERRÉZ. Literatura marginal: talentos da escrita periférica. São Paulo: Agir, 2005.

FERRÉZ. Capão pecado. Rio de Janeiro: Objetiva, 2005a.

FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler: em três artigos que se completam. São Paulo: Cortez, 1989.

HOLLANDA, Heloisa Buarque de. Literatura Marginal. Disponível em: <http://www.heloisabuarquedehollanda.com.br/literatura-marginal/> Acesso em: 16 jan., 2017.

JAUSS, Hans Robert. A história da literatura como provocação à teoria literária. São Paulo: Ática, 1994.

JESUS, Carolina Maria de. Quarto de despejo: diário de uma favelada. 10. ed. Rio de Janeiro: F. Alves, 1976.

KLEIMAN, Ângela Bustos. Oficina de leitura: teoria e prática. 9. ed. Campinas: Pontes, 2002.

LAJOLO, Marisa Philbert. Do mundo da leitura para a leitura do mundo. São Paulo: Ática, 1993.

LIMA, Vanessa Bastos; SEIDEL, Roberto Henrique. Literatura Marginal e Cultura da Periferia: uma análise da obra “Capão Pecado”, de Ferréz. Pontos de interrogação, Alagoinhas, vol. 1, n. 1, p. 142-157, jan./jun. 2011.

LINS, Paulo. Cidade de Deus. São Paulo: Companhia das Letras, 1997.

LOIS, Lena. Teoria e prática da formação do leitor: leitura e literatura na sala de aula. Porto Alegre: Penso, 2010.

OLIVEIRA, Ângelo Bruno Lucas de. Estética Da Recepção e Cânon. Cadernos do IL, Porto Alegre, n. 39, p. 115-120, dez. 2009.

OLIVEIRA, Rejane Pivetta de. Literatura marginal: questionamentos à teoria literária. Ipotesi, Juiz de Fora, v. 15, n. 2, p. 31-39, jul./dez. 2011.

REIS, Roberto. Cânon. In: JOBIM, José Luís (org.). Palavras da crítica. Rio de Janeiro: Imago, 1992.

SANTOMÉ, Jurjo T. As culturas negadas e silenciadas no currículo. In: SILVA, T. T. (Org.). Alienígenas na sala de aula: uma introdução aos estudos culturais em Identidade e diferença. Rio de Janeiro: Editora Vozes, 2000.

SCHWARZ, Roberto. SILVA, Tomaz Tadeu da. A produção social da identidade e da diferença. In. SILVA, Tomaz Tadeu da. Alienígenas na sala de aula: uma introdução aos estudos culturais em Identidade e diferença. Rio de Janeiro: Editora Vozes, 2000, p. 73-102.

VOGLER Bianca do Rocio; NETO, Miguel Sanches. O Manifesto Da Literatura Marginal: o texto “Terrorismo literário”, de Ferréz, e o poder de desvendamento do mundo e do movimento artístico da Literatura Periférica. Uniletras, Ponta Grossa, v. 35, n. 1, p. 83-93, jan./jun. 2013.

VOGT, Carlos. Trabalho/pobreza/trabalho intelectual. In. SCHWARZ, Roberto. Os pobres da literatura brasileira. São Paulo: Brasiliense, 1983.

Downloads

Publicado

31-08-2020

Como Citar

DE CARDOSO, F. J.; ACCORSI, A. M. B. O marginal na formação do leitor. Travessias, Cascavel, v. 14, n. 2, p. 73–89, 2020. DOI: 10.48075/rt.v14i2.24584. Disponível em: https://saber.unioeste.br/index.php/travessias/article/view/24584. Acesso em: 26 jan. 2022.

Edição

Seção

DOSSIÊ TEMÁTICO: À margem: Resistências e Reexistências na Literatura Brasileira