Possibilidades do ensino das lutas na escola: uma pesquisa-ação com professores de educação física

Bernhardt Hegele, Fernando Jaime González, Robson Machado Borges

Resumo


Esta pesquisa buscou verificar quais são as consequências de uma experiência de formação colaborativa, nas concepções de professores acerca da abordagem das lutas nas aulas de Educação Física escolar. Para tanto, operou-se metodologicamente com a realização de uma pesquisa-ação com quatro docentes de Educação Física que atuam em escolas públicas no interior do Rio Grande do Sul. Os professores, juntamente com um dos pesquisadores, constituíram um grupo de estudos que se reuniu semanalmente em oito encontros, com o intuito de refletir sobre a abordagem das lutas na Educação Física escolar. Os resultados indicam que, inicialmente, os professores não se sentiam em condições de tematizar as lutas na escola. Especialmente, porque não tiveram um componente curricular específico em sua formação inicial. No entanto, após a realização do estudo, os docentes compreenderam que é possível trabalhar com as lutas nas aulas de Educação Física. Os principais fatores que geraram essa alteração foram o estudo dos jogos de lutas e sua classificação com base nas distâncias, a produção de tarefas durante os encontros e a vivência corporal nas reuniões.


Palavras-chave


Lutas; Educação Física escolar; Pesquisa-ação.

Texto completo:

PDF

Referências


BEHRENS, M. A. O paradigma da complexidade na formação e no desenvolvimento profissional de professores universitários. Educação, Porto Alegre, v. 30, n. 63, p. 439-55, 2007.

BETTI, M. Educação física escolar: ensino e pesquisa-ação. 2.ed. Ijuí: Unijuí, 2013.

BETTI, M. Imagens em avaliação-ação: uma pesquisa-ação sobre o uso de matérias televisivas em aulas de educação física. Educar em Revista, Curitiba, n. esp. 2, p. 137-52, 2010.

BORGES, R. M. Diálogos sobre o ensino do esporte educacional: uma pesquisa-ação na formação continuada. 2014. 280f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2014.

BRASIL. Ministério da Educação. Base nacional comum curricular: educação é a base. Brasília: Ministério da Educação, 2017. Disponível em: . Acessado em: 10 de fevereiro de 2018.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: educação física. Brasília: Secretaria de Educação Fundamental, 1998.

CASTELLANI FILHO, L. Lino Castellani Filho: entrevista [Ago, 2011]. Entrevistador: Juca Kfouri. São Paulo: Canal ESPN, 2011. Entrevista concedida ao Programa Juca Entrevista. Disponível em: . Acessado em: 9 de março de 2016.

CORREIA, W. R.; FRANCHINI, E. Produção acadêmica em lutas, artes marciais e esportes de combate. Motriz, Rio Claro, v. 16 n. 1 p. 1-9, 2010.

ESPARTERO, J. Aproximación histórico-conceptual a los deportes de lucha. In: VILLAMÓN, M. Introducción al judo. Barcelona: Hispano Europea, 1999.

GOMES, M. S. P. Procedimentos pedagógicos para o ensino das lutas: contextos e possibilidades. 2008. 139f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2008.

GONZÁLEZ, F. J.; BRACHT, V. Metodologia do ensino dos esportes coletivos. Vitória: UFES, Núcleo de Educação Aberta e a Distância, 2012.

GONZÁLEZ, F. J.; FENSTERSEIFER, P. E. Entre o “não mais” e o “ainda não”: pensando saídas do não-lugar da EF escolar I. Cadernos de Formação RBCE, Florianópolis, v. 1, n. 1, p. 9-24, 2009.

GONZÁLEZ, F. J.; FENSTERSEIFER, P. E. Entre o “não mais” e o “ainda não”: pensando saídas do não lugar da EF escolar II. Cadernos de Formação RBCE, Florianópolis, v. 1, n. 1, p. 10-21, 2010.

GONZÁLEZ, F. J.; FRAGA, A. B. Afazeres da educação física na escola: planejar, ensinar, partilhar. Erechim: Edelbra, 2012.

HEROLD JUNIOR, C. Tradição e modernidade na pedagogia das lutas, artes marciais e esportes de combate: uma reflexão sobre o livro Ensino de lutas. Pensar a Prática, Goiânia, v. 19, n. 2, p. 501-4, 2016.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Pesquisa nacional por amostra de domicílios. Práticas de esporte e atividade física: 2015. Rio de Janeiro: Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2017.

LIMA, M. L. A abordagem das lutas nas aulas de educação física escolar: o que pensam os professores? 2018. 42f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) - Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul, Ijuí, 2018.

MATOS, J. A.; HIRAMA, L.; GALATTI, L. R.; MONTAGNER, P. C. Presença/ausência do conteúdo lutas na educação física escolar: identificando desafios e propondo sugestões. Conexões: Educação Física, Esporte e Saúde, Campinas, v. 13, n. 2, p. 117-35, 2015.

RUFINO, L. G. B. A pedagogia das lutas: caminhos e possibilidades. Jundiaí: Paco Editorial, 2012a.

RUFINO, L. G. B. “Campos de luta”: o processo de construção coletiva de um livro didático na educação física no ensino médio. 2012. 364f. Dissertação (Mestrado em Educação Física) - Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2012b.

RUFINO, L. G. B.; DARIDO, S. C. A separação dos conteúdos das “lutas” dos “esportes” na educação física escolar: necessidade ou tradição? Pensar a Prática, Goiânia, v. 14, n. 3, p. 1-17, 2011.

RUFINO, L. G. B.; DARIDO, S. C. O ensino das lutas na escola: possibilidades para a educação física. Porto Alegre: Penso, 2015.

SALDANHA, M. As lutas como tema de ensino na educação física escolar: uma análise da compreensão dos professores. 2018. 40f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) - Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul, Ijuí, 2018.

SILVERMAN, D. Interpretação de dados qualitativos: métodos para análise de entrevistas, textos e interações. Porto Alegre: Artmed, 2009.

THIOLLENT, M. Metodologia da pesquisa-ação. São Paulo: Cortez, 2011.

TRIPP, D. Pesquisa-ação: uma introdução metodológica. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 31, n. 3, p. 443-66, 2005.

ZEICHNER, K.; DINIZ-PEREIRA, J. E. Pesquisa dos educadores e formação docente voltada para a transformação social. Cadernos de Pesquisa, v. 35, n. 125, p. 63-80, 2005.




DOI: https://doi.org/10.36453/2318-5104.2018.v16.n1.p99

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Incluir comentário ';



Direitos autorais 2018 Direitor Autorais Partilhados

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Caderno de Educação Física e Esporte

Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE)

Campus de Marechal Cândido Rondon

Rua Pernambuco, 1777 | Centro

Marechal Cândido Rondon | Paraná | 85960-000

F: (45) 3284 7855

E-mail: revista.cefe@unioeste.br

Facebook: https://www.facebook.com/RevistaCEFE/