Práticas linguagem no WhatsApp: perspectivas de sua utilização em sala de aula

Autores

  • Jeanny Meiry Sombra Silva

Palavras-chave:

WhatsApp, capacidades de linguagem, aprendizagem

Resumo


Esta pesquisa de natureza exploratória teve por objetivo formular e comprovar algumas hipóteses sobre as possibilidades pedagógicas de utilizar o aplicativo WhatsApp no desenvolvimento das capacidades de linguagem, de modo a contribuir no processo de ensino e aprendizagem. O procedimento metodológico envolveu análise das postagens e interação de estudantes em dois grupos virtuais formados a partir do WhatsApp, bem como um questionário aplicado aos mesmos participantes. A pesquisa foi realizada em uma escola Estadual pública da capital paulista cujos integrantes foram a professora de língua portuguesa da escola, autora desta pesquisa, e sessenta alunos do Ensino Médio. Os dados fornecidos permitiram concluir que o aplicativo WhatsApp, quando utilizado de maneira planejada e organizada pelo professor, mediador da interação, constitui-se uma ferramenta rica para, por meio das relações recíprocas, cada um entrar em contato com o conteúdo estudado em classe, aprender mais, organizar a rotina escolar e suplantar barreiras comunicacionais

Referências

ALMEIDA, M. E; SILVA, M. G. M. Currículo, tecnologia e cultura digital: espaços e tempos de web currículo. Revista e-curriculum, São Paulo, v.7 n.1 Abril/2011. Disponível em http://revistas.pucsp.br/index.php/curriculum/article/view/5676 Acesso em 11 de Jan de 2016.

______; BORGES, M. A.; FRANÇA, G. O uso das tecnologias móveis na escola: uma nova forma de organização do trabalho pedagógico. XVI ENDIPE - Encontro Nacional de Didática e Práticas de Ensino - UNICAMP - Campinas – 2012. Disponível em http://www.infoteca.inf.br/endipe/smarty/templates/arquivos_template/upload_arquivos/acervo/docs/3900c.pdf Acesso em 13 Jan 2016.

ARAÚJO, J. C. A conversa na web: o estudo da transmutação em um gênero textual. In: MARCUSCHI, L. A.; XAVIER, A. C. (Org.). Hipertexto e gêneros digitais: novas formas de construção do sentido. 2. ed. Rio de Janeiro: lucerna, 2005.

BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. São Paulo: Martins Fontes, 1992.

BRANDÃO, H. H. N. Gêneros do discurso: unidade e diversidade. In. Polifonia - Revista do Programa de Pós-graduação em Estudos de Linguagem-Mestrado - Número 8, 2004.

BRONCKART, J. P. Atividade de linguagem, textos e discursos: por um interacionismo sociodiscursivo. 2. ed. São Paulo: Educ, 2003.

DOLZ, J.; SCHNEUWLY, B. Les capacités orales de apprenants. In: SCHNEUWLY, B.; DOLZ, J. (Org.) Pour un enseignement de l´oral: iniciation aux genres formels à l´école. Paris: EFS éditeur, 1998.

FARACO, C. A. Linguagem e diálogo: as idéias lingüísticas do círculo de Bakhtin. Curitiba: Edições Criar, 2003.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

MACHADO, A. R. A perspectiva interacionista sociodiscursiva de Bronckart. In: MEURER, J. L.; BONINI, A.; MOTTA-ROTH, D. Gêneros: teorias, métodos, debates. São Paulo: Parábola Editorial, 2005.

MORAN, J. M. Os novos espaços de atuação do professor com as tecnologias. Anais do 12º Endipe – Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino, in ROMANOWSKI, J. P. et al (Orgs). Conhecimento local e conhecimento universal: Diversidade, mídias e tecnologias na educação. vol. 2, Curitiba, Champagnat, 2004, p. 245-253. Disponível em <http://www.ufrgs.br/nucleoead/documentos/moranOsnovos.htm>. Acesso em: 14 jan. 2016.

______. Ensino e aprendizagem inovadoras com tecnologias audiovisuais e telemáticas. In MORAN, J. M.; MASSETO, M. T.; BEHRENS, M. A. Novas tecnologias e mediação pedagógica. Campinas, SP: Papirus, 2000.

ROJO, R. H. R. Letramento e capacidades de leitura para a cidadania. Texto de divulgação científica elaborado para o Programa Ensino Médio em Rede, Rede do Saber/SEE-SP e para o Programa Ler e Escrever – Desafio de Todos, CENPEC/SMESP, 2004.

SCHNEUWLY, B.; DOLZ, J. Gêneros orais e escritos na escola. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2004.

Downloads

Publicado

30-07-2016

Como Citar

SILVA, J. M. S. Práticas linguagem no WhatsApp: perspectivas de sua utilização em sala de aula. Travessias, Cascavel, v. 10, n. 1, p. 434–448, 2016. Disponível em: https://saber.unioeste.br/index.php/travessias/article/view/13732. Acesso em: 27 maio. 2022.

Edição

Seção

DOSSIÊ TEMÁTICO: TIC, MULTILETRAMENTOS, SUPORTES E RECURSOS DIDÁTICO-PEDAGÓGICOS APLICADOS AO ENSINO DE LÍNG. PORTUGUESA