Aspectos fitotécnicos de estacas caulinares de cafeeiro enraizadas

Adriana Madeira Santos Jesus, Samuel Pereira Carvalho, Fabíola Villa, Ana Carolina Costa Lara

Resumo

A clonagem de híbridos F1 de Coffea arabica, pode representar uma diminuição significativa de tempo e recursos despendidos nos programas de melhoramento. Buscando-se uma metodologia que permita a clonagem eficiente, por meio de estaquia caulinar de plantas de C. arabica L. foram conduzidos dois experimentos em casa de vegetação, com sistema automático de nebulização. Utilizaram-se estacas de cafeeiros da cv. Rubi. Os trabalhos testaram a eficiência do aquecimento do leito de enraizamento, do fornecimento exógeno de sacarose (30 g.L-1) e de seis concentrações de AIB no enraizamento das estacas e na formação das mudas. As avaliações foram feitas aos 45, 90 e 180 dias após a instalação. Os resultados mostraram que a sacarose não apresentou efeito positivo para nenhuma das variáveis analisadas. O aquecimento basal associado com AIB não aumentou a porcentagem total de estacas enraizadas para a ‘Rubi’, mas aumentou o número de raízes, peso da matéria seca das raízes e da parte aérea das mudas. 

Palavras-chave

AIB, leito aquecido, sacarose, Coffea arabica.

Texto completo:

PDF