AÇÕES HUMANAS EM CONFORMIDADE COM O BEM DO HOMEM: a moral e a religião no compêndio de filosofia de José Soriano de Souza

Núbia Caroline dos Santos

Resumo

Anderson Santos[1]

Bárbara da Silva Santos[2]

Cristiano de Jesus Ferronato[3]

 

Resumo: Diante das transformações ocorridas na segunda metade do século XIX, onde o Estado e as instituições educativas buscaram constituir-se a partir de novas representações sobre a nação e a educação brasileiras, tomamos como objeto para o desenvolvimento deste estudo o compêndio Lições de Philosophia Elementar Racional e Moral de José Soriano de Souza publicado em 1871 na cidade do Recife, a partir dos aportes teórico-metodológicos da história cultural e dos manuais escolares. Essa obra foi adotada como manual de ensino da cadeira de filosofia pelo Gymnasio Pernambucano, cujo titular era o seu próprio autor. Ele está inserido no grupo de professores daquele período que passaram a atuar intelectualmente na elaboração de manuais de ensino e reflexões acerca dos modelos educacionais em circulação na época. Da organização dos conteúdos, destacamos a questão da moral e da religião presentes na obra e como estas contribuíam para a formação dos jovens estudantes.

Palavras-chave: História da Educação. Manuais escolares. Ensino secundário.


[1] Mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Tiradentes – PPED – Unit/Sergipe, Licenciado em História pela Universidade Tiradentes. andersonii@hotmail.com

[2] Doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Tiradentes – PPED – Unit/Sergipe, Licenciada em Pedagogia pela Universidade Federal de Sergipe. ss.barbarasilva@gmail.com

[3] Doutor em Educação, coordenador do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Tiradentes – PPED – Unit/Sergipe. cristianoferronato@gmail.com